Roteiro para conhecer Foz do Iguaçu em 3 dias

Dá para conhecer Foz do Iguaçu em 3 dias? Não é muito pouco tempo? Apesar da cidade ter atrações para passar uma semana, esse roteiro pronto vai ajudar você que está pensando no que fazer no próximo feriadão.

Roteiro de 3 dias em Foz do Iguacu - Borboleta e Cataratas

Estivemos na tríplice fronteira por quatro dias, mas alugamos um carro para três. Ou seja, vamos mastigar bonitinho o itinerário que fizemos e dar as dicas para você fazer suas adaptações.

 

 

Roteiro de 3 dias em Foz do Iguaçu

A gente voou para Foz do Iguaçu durante um feriadão que emendou 4 dias. Mas, o nosso voo chegava na tarde do sábado e só deu tempo de aproveitar a noite do primeiro dia.

O voo de volta também saía no meio da tarde, então na prática a gente só aproveitou 3 dias. Se você chegar bem cedo no primeiro dia e sair tarde no último dia, vai conseguir fazer as mesmas coisas que fizemos.

Roteiro de 3 dias em Foz do Iguacu - Cataratas

Nosso roteiro:

Dia 1 – Lanche rápido no Iguassu Boulevard e jantar no IceBar Iguazu
Dia 2 – Cataratas lado argentino, Duty Free Shop, jantar em Foz
Dia 3 – Compras no Paraguai e Jantar na Rafain Show
Dia 4 – Parque das Aves e Cataratas lado brasileiro de manhã.

Se o seu voo chega cedinho no primeiro dia, você poderá ter Foz do Iguaçu em 3 dias assim:

Dia 1 – Parque das Aves, Cataratas lado brasileiro e jantar no IceBar Iguazu
Dia 2 – Cataratas lado argentino, Duty Free Shop, jantar na Rafain Show
Dia 3 – Compras no Paraguai e voltar para sua cidade à noite.

 

Passo a Passo

Vamos destrinchar essa viagem então para vocês verem como estar de carro alugado foi crucial para que tudo desse certo.

Chegamos ali pelas 15:30h, num voo vindo de Porto Alegre e pegamos um táxi para o nosso hotel, o Canzi Cataratas. O táxi custou só R$ 12,00, porque o hotel era bem perto do Aeroporto (a cidade de Foz fica bem mais longe).

A IguFoz nos levou o carro até o hotel onde fizemos todas as conferências, assinamos os documentos de praxe e recebemos as chaves. As três diárias foram uma cortesia da Loumar Turismo, a maior agência de turismo receptivo de Foz do Iguaçu.

 

Primeira parada: Iguassu Boulevard

Eram umas 17h a essa altura e a fome estava batendo forte. Então resolvemos comer no Iguassu Boulevard, no caminho até o centro de Foz do Iguaçu. O lugar é bem legal mas estava vazio neste horário.

Roteiro de 3 dias em Foz do Iguacu - Iguassu Boulevar

 

Segunda parada: Shopping JL Cataratas

Resolvemos passar por ali para fazer câmbio. De fato pegamos uma boa cotação para dólares, mas uma cotação ruim para pesos argentinos. Faz parte. Os planos do dia seguinte eram ir para as cataratas do lado argentino e quisemos estar prevenidos, pois o ingresso deve ser pago obrigatoriamente em pesos.

 

Terceira parada: Ice Bar de Puerto Iguazú

Resolvemos atravessar a fronteira para a Argentina com o nosso carro alugado e descobrimos que o único horário disponível para o Ice Bar era bem tarde, dali a umas duas horas. Jantamos então uma refeição memorável por lá mesmo, enquanto aguardávamos a nossa vez. Super cool!

Roteiro de 3 dias em Foz do Iguacu - Icebar

 

Quarta parada: Cataratas do Lado Argentino

Passamos o dia inteiro nas cataratas do Lado Argentino aproveitando cada cantinho e caminhando muito. Comemos um almoço ruim e caro no La Selva, tomamos banho de catarata na “Aventura Nautica” (a versão argentina do Macuco Safari) e fomos um dos últimos a sair, já com o parque fechando.

Roteiro de 3 dias em Foz do Iguacu - Ponte

 

Quinta parada: Duty Free Shop

Já que estávamos de carro e era caminho, passamos no Duty Free Shop antes de voltar para o hotel. E para a nossa surpresa, os preços estavam muito caros. Não compramos quase nada. A ideia era comparar os preços com o Paraguai, que visitaríamos no dia seguinte e voltar depois, caso valesse a pena. Não voltamos.

Roteiro de 3 dias em Foz do Iguacu - Duty Free

 

Sexta parada: Jantar no Park Foz

Com fome e já tendo passado do horário para ir na Rafain Show como previsto, pegamos nosso carro e viemos ao centro de Foz do Iguaçu. Nossa escolha foi o Park Foz, para fugir da fila no Capitain Bar e na Rafain Chop. Curtimos, viu?

Roteiro de 3 dias em Foz do Iguacu - Park Foz

 

Sétima parada: Compras no Paraguai

No dia seguinte, pegamos nosso carro, levamos até um estacionamento perto da Ponte da Amizade e cruzamos o rio Paraná a pé mesmo, entrando em Ciudad del Este, no Paraguai. Nosso plano era passar a manhã, somente, mas no fim passamos o dia inteiro. Chegamos no estacionamento quase no horário do estacionamento fechar.

 

Oitava parada: Rafain Show

À noite, agendamos um jantar na famosa Rafain Show, um lugar onde podemos assistir a um espetáculo de música e danças típicas de vários países. Se o buffet era um pouco disputado, o show fez valer cada centavo gasto.

Roteiro de 3 dias em Foz do Iguacu - Rafain Show

 

Nona parada: Parque das Aves

Acordamos cedo para poder passear no delicioso Parque das Aves, pertinho do nosso hotel. Se não fosse o tempo chuvoso, teríamos ido até a pé, mas fomos de carro. É um dos lugares mais lindos de Foz do Iguaçu, do lado da entrada para o lado brasileiro das cataratas. Imperdível. Dá para fazer fácil em 2h.

Parque das Aves  - voo da arara

 

Décima parada: Cataratas do Iguaçu – Lado Brasileiro

E antes do nosso voo sair, às 16:50h, ainda deu tempo de conhecer o lado brasileiro das cataratas. Levamos duas horas para conhecer tudo, sem fazer o Macuco Safari (já tínhamos feito do lado argentino). Pegamos um pouco de chuva, mas mesmo assim deu para curtir bastante.

Roteiro de 3 dias em Foz do Iguacu - Tucano solto

 

Como adaptar este roteiro de Foz do Iguaçu em 3 dias?

Lembre que, se você tem só 3 dias, acabará cedendo aqui ou ali, tendo que fazer uma ou outra coisa mais rápido. Se quiser incluir mais uma atração aqui é o Circuito Especial da usina de Itaipu, que me deu muito pesar não ter conseguido fazer.

Se você visitar Itaipu bem cedo, dá para deixar o Paraguai para depois e ficar lá até o horário do fechamento das lojas.

O Duty Free Shop, pela alta do dólar, também pode ser cortado do roteiro facilmente.

Outra mudança é não fazer a Aventura Náutica no lado argentino das cataratas e sair de lá mais cedo, dando tempo de sobra para se arrumar para ir na Rafain Show no mesmo dia. Daí, seguindo o roteiro de 3 dias no início do post, deixe a tarde do primeiro dia para conhecer as cataratas do lado brasileiro com o Macuco Safari.

Roteiro de 3 dias em Foz do Iguacu - Ponte

 

Bem, agora você não tem desculpa para deixar de conhecer essa que é uma das 7 maravilhas da natureza. Já parou para pensar como é pertinho?

Se quiser procurar hotel na cidade, você pode usar a caixa de busca abaixo, ajudando a gente a ganhar uma pequena comissão do Booking.com:

Escrito por: Gleiber Rodrigues
Compartilhe:
comentarios:11
Posts Relacionados:
21
May
2015
11 comentários
  1. Jovimari Balotin
    25/05/2015

    Muito bem aproveitado seu tempo aqui em minha terra.
    Uma dica: quando for ao Duty Free AR, pague com Pesos. Lá mesmo peça pra eles como você faz pra calcular e assim terá na hora o preço de tudo, que é bem menos do que pagar em dólar!
    🙂
    E sejam sempre bem-vindos!

    • Oi Jovimari
      Então… A gente tinha comprado pesos no Brasil e levamos para a Argentina. Chegando no Duty Free, a cotação Real x Peso estava muuuuito melhor do que na casa de câmbio do Sopping JL Cataratas. Ou seja, se tivéssemos comprado em reais, teríamos nos dado muito bem. Mas no Paraguai as coisas estavam ainda mais baratas. Ao menos naquele dia.
      Abraços.

  2. vanessa
    27/08/2015

    vou aproveitar este roteiro.

  3. Rodrigo Otavio Barbosa de Araujo
    12/09/2015

    Olá estou indo a Foz em lua de mel dia 12 de Outubro (chego as 13hrs) e saio dia 17 sabado a tarde. Quero adaptar esse roteiro ai, outra coisa fora o parque dos hermanos fica melhor levar real e usar no local na hora e receber a cotação deles né, pelo jeito até o free shop aceita usa real é isso?

    • Olha Rodrigo,
      Na nossa viagem desse ano, foi bem isso. Só valeu a pena usar pesos no parque hermano. No resto, valia a pena usar real. Mas não sei hoje. Nossa moeda desvalorizou muito de lá pra cá. Pode ter mudado isso. Mas o free shop aceita real sim. Abraços.

  4. Rodrigo Mafra
    29/05/2016

    Boa tarde!
    Ainda estamos montando nosso roteiro, suas dicas ajudaram bastante.. obrigado!
    Você notou uma diferença considerável nos valores da aventura náutica do lado Argentino para o lado Brasileiro?

    • Oi Rodrigo,
      Nas minhas duas viagens a Foz, percebi que a aventura náutica estava bem mais barata que o Macuco Safari do lado brasileiro, viu? Coisa de 40% mais barata.
      Abraços.

  5. Davi Assumpção
    23/06/2016

    Muito bom… vou seguir esse roteiro

  6. Marcos Spíndola
    30/08/2016

    Olá Gleiber!

    Achei muito bom o seu roteiro! Vou passar exatamente 3 dias em Foz com a namorada e certamente vai me ajudar bastante, porém tenho algumas perguntas, se vc puder me ajudar em algumas delas eu agradeço muito!

    Eu provavelmente alugarei um carro, gostaria de saber se realmente é necessário o seguro carta verde para ir com o carro alugado apenas até a cidade de Puerto Igazu – AR, não pretendo ir pra nenhum outro lugar além da cidade!

    É necessário trocar o real /dólar por peso, ou o real/dólar é aceito em Puerto Iguazu, igual é em Buenos Aires?? Isso nos restaurantes, bar gelado e cataratas do lado argentino (passeio de barco macuco safári).

    Onde posso fazer a troca da moeda em Foz do Iguaçu em um bom lugar com cotação razoável?

    Gostaria de saber se também sabe a faixa de preço do passeio Macuco safari do lado argentino e brasileiro e qual é mais legal!

    • Vamo lá, Marcos
      A carta verde é necessária segundo a legislação do Mercosul, mas nem sempre é solicitada. Tipo você me perguntar se é necessário portar carteira de motorista para dirigir na sua cidade. Obrigatório é, mas quantas vezes te pediram para vê-la no último ano. Pode não acontecer nada se você não tiver a Carta Verde. Mas se pedirem e você não tiver, prepare-se para estragar seu passeio.

      Em Puerto Iguazu há lugares que aceitam dólares e reais, mas há lugares que não. Tipo, nas cataratas mesmo só pesos. No bar de gelo, aceitam reais numa cotação melhor que a casa de câmbio.

      Casa de câmbio vou ficar te devendo. Troquei no shopping JL e não valeu muito a pena pq vi cotações melhores depois, mas era um lugar confiável.

      E o macuco brasileiro é igualzinho ao argentino, só que o brasileiro é mais caro.

  7. Natália
    17/01/2017

    Os pés do Sandro Vaz realmente parecem pés de pessoa perfeccionista !