Helsingør e Hillerød – passeios perto de Copenhagen

Helsingør e Hillerød são dois passeios perto de Copenhagen que adoramos fazer. Na nossa opinião, suas atrações (e seus castelos) justificam tirar um dia para um belo passeio ao estilo “bate e volta”.

Frederiksborg Hillerod Dinamarca Fauno

Há também outros destinos que podem ser alcançados desse modo, mas como tínhamos somente um dia livre, essa foi a nossa escolha. Acho que vocês também vão curtir acompanhar essa viagem pelo interior da Dinamarca com a gente.

 

 

Por que visitar Helsingør?

Helsingør em dinamarquês, Elsinor em português ou Elsinore em inglês, mas não importa: trata-se do mesmo lugar. A distância até a capital da Dinamarca, Copenhagen, é ridícula, são só 46km de carro, ou 44 minutos de trem, que passa a cada 20 minutos.

Geograficamente, a cidade fica no estreito de Øresund, que separa a Suécia da Dinamarca, só que na parte mais apertadinha desse canal. Estando à beira mar, em Helsingør, avista-se a Suécia lá do outro lado, a apenas 4km de distância.

Mas a atração principal mesmo é o castelo da cidade, o Kronborg. Um castelo mundialmente famoso por causa de um inglês chamado Shakespeare. Acontece que a história da peça Hamlet se passa lá dentro daquelas muralhas.

Castelo de Kronborg em Helsingor

Já ouviram falar a frase “há algo de podre no reino da Dinamarca”? Essa frase vem desta peça de teatro, que obviamente é encenada “in loco” em espetáculos que rolam todo verão.

A gente, entretanto, escolheu ir para a Escandinávia no inverno, aproveitando a nossa jornada para ver a Aurora Boreal lá no pertinho do polo norte. Então perdemos a alta temporada.

Leia mais:
+ Aurora Boreal: tudo o que você precisa saber

 

Como chegar a Helsingør?

A melhor forma, sem dúvida, é de trem. A estação central de trens de Copenhagen é super fácil de achar e de lá você compra bilhetes para Helsingør até em máquinas automáticas (pode usar o balcão também, claro). Se você tiver comprado um Copenhagen Card, a passagem sai de graça (está inclusa).

Leia mais:
+ O que tem para ver em Copenhagen

Mas a gente, claro, teve que fazer do jeito mais difícil. O Sandro adora viajar passeando de carro, então a gente acabou alugando um Clio básico (que foi, no fim, o mesmo preço das passagens de trem avulsas se tivéssemos comprado).

 

DICA

Outra forma de ir é de excursão. A Ticketbar, em parceria com a gente, oferece diversos passeios que você comprar antecipadamente e com desconto! Um deles é justamente o tour para Hillerød e Helsingør. Clicando no nosso link e comprando vocês pagam mais barato e a gente ainda ganha uma comissão. Confira!

 

Sempre é chato se virar no trânsito em uma cidade grande e desconhecida. Copenhagen tem ainda o agravante de ser um lugar dominado por bicicletas e dirigir no meio delas não foi uma missão fácil. Mas mesmo assim conseguimos chegar.

 

Como é visitar Helsingør?

Helsingør é uma linda cidade de interior. E tivemos que passar um tempinho passeando por ela esperando a hora do castelo abrir (a venda de ingressos começa só às 11h). Como saímos cedo de Copenhagen, tínhamos tempo livre e resolvemos dar uma voltinha pelo calçadão do centro.

Calçadão em Helsingor

A cidadezinha é super calma e aconchegante, foi paixão pela primeira vista. Aquele tipo de lugar que dá vontade de morar.

Compramos uns queijos, uns biscoitinhos, entramos em uma ou outra padaria e só não ficamos mais tempo porque estava mesmo muito frio e o vento perto do mar era cortante!

Lojinha em Helsingor

Uma coisa que deu para notar é que se a vida em Copenhagen já parecia muito agradável e confortável, as cidades do interior da Dinamarca, essas sim davam provas do que o país era mesmo um dos mais desenvolvidos do mundo.

Casinha e Bicicleta em Helsingor

E não é por esbanjar luxo e riqueza não! Porque isso aqui no Brasil também tem! E nem por isso somos tão desenvolvidos. É que são cidades em que não há nenhum vestígio de sujeira, de pobreza ou de dificuldade social. Fantástico.

 

Castelo Kronborg

E daí, tivemos um contratempo. É que quando chegamos em Kronborg Slot (Slot em dinamarquês, significa castelo), descobrimos que ele estava fechado!!!

Tá, eu sei que era segunda-feira, e que os museus costumam fechar às segundas para manutenção. Mas eu juro que eu tinha checado no site Visit Copenhagen e lá dizia que o castelo estaria aberto.

Castelo Kronborg em Helsingor Dinamarca

Mesmo assim, deu para tirar umas fotos da parte externa, até porque você tem que caminhar muito desde o estacionamento até chegar na porta do castelo propriamente dita. E vou te dizer que só de dar uma banda ali fora já foi bem legal.

Hora de seguir viagem então…

 

Kronborg Slot
Site oficial
Horários: 11-16h (no verão até as 17:30h). De Nov a Mar não abre segundas
Preço: DKK 80,00 (completa) ou DKK 40,00 (restrita)
Info oficial atualizada:
 http://www.kronborg.dk/test/plan-your-visit/

 

Por que visitar Hillerød?

Hillerød fica muito perto de Helsingør. São só 23,8km (28 minutos de carro, segundo o Google). De trem, então, é barbadinha! Tem trem direto entre as duas cidades a cada 30 minutos. A viagem dura 36 minutos, daí. Se quiser vir direto de Copenhagen, é fácil, fácil: 38km de carro e há trens a cada 10 minutos (a viagem dura, daí, 40 minutinhos).

Acertou quem achou que dava para usar o Copenhagen Card. Com ele saem de graça o trem e o ingresso para o castelo.

Copenhagen Card Dinamarca

Sim… Quem já conhece os Andarilhos do Mundo, sabe que a gente não perde um castelo. Então, obviamente, eram castelos os passeios perto de Copenhagen que iríamos escolher fazer, né?

Fachada do castelo Frederiksborg Hillerod Dinamarca

Só que aqui não é um castelo qualquer, é o Frederiksborg Slot, o mais lindo dos castelos dinamarqueses.

Fosso do castelo Frederiksborg HIllerod Dinamarca

 

Castelo Frederiksborg

O castelo Frederiksborg foi construído no século XVII e é o maior castelo renascentista dinamarquês. É muito legal ver como o seu estilo é diferente dos castelos da mesma época de outros países do mundo, sendo uma demonstração clara da arquitetura local.

Hillerod e Frederiksborg Passeios pela Dinamarca

Além dos lindos jardins e do lago sobre o qual o aquele colosso está assentado, lá dentro foi instalado o Museu da História Nacional da Dinamarca. O acervo vai demonstrando como foi se construindo a sociedade daquele país desde a idade média até a os tempos de hoje, através de pinturas, roupas, jóias, armas e muitos outros objetos.

Ala moderna do museu em Frederiksborg DinamarcaAla contemporânea do museu de história nacional

Estatuas greco-romanas em Frederiksborg Hillerod DinamarcaAla renascentista

Para começar, vou falar da paisagem do entorno. Mesmo no inverno, quando as árvores estão secas e as cores, cinzentas, o cenário todo é de uma beleza fenomenal.

Patio do castelo Frederiksborg em Hillerød

E quando você se aproxima das esculturas decorativas e vai percorrendo os pátios, vai percebendo que realmente valeu a pena ter tirado um dia para esse bate-e-volta perto de Copenhagen.

Jardins do Frederiksborg Dinamarca

Alguns vão dizer que Frederiksborg é muito parecido com o Rosenborg Slot, que fica dentro de Copenhagen. Vou ter que concordar que a arquitetura é realmente muito semelhante. Mas o castelo de Hillerød é tão grandioso e o seu interior é tão bem mobiliado que vale sim a viagem e os custos para o deslocamento.

Frederiksborg Dinamarca

Claro que, para quem não curte castelos como a gente, a jornada pode não valer mesmo a pena. Mas se essa é a sua praia, você não vai se arrepender. Na verdade, só lamentamos mesmo foi termos feito a visita sem um guia para nos ajudar a decifrar os encantos que víamos em cada sala.

Interior do Frederiksborg Hillerod

Interior do Frederiksborg Dinamarca

Ao final da aventura, com frio cortante e tudo, tive que ir até o jardins ressecados lá no fundo para tentar clicá-lo de longe, pairando sobre as águas congeladas.

Jardins no Inverno Frederiksborg Hillerod Dinamarca

Eu só imagino como deve ser lindo passar o dia ali no verão, tomando sorvete e com o parque todo verdinho e florido.

Frederiksborg Dinamarca Hillerod

Para completar a nossa jornada em alto estilo, almoçamos ali mesmo, num dos restaurantes que ficam no caminho entre o estacionamento e a entrada do castelo, o Spisestedet Lenora. Escolhemos um prato que é uma espécie de tábua com tudo o que a Dinamarca tem de típico. Vem à mesa numa bandeja com um pouquinho de tudo e você vai se servindo daquilo que gosta.

Restaurante em Frederiksborg Hillerod Dinamarca

Tinha o peixe cru num molho amarelo agridoce (eu adorei, o Sandro torceu o nariz), tinha shnitzel, tinha salada e tinha até banha de porco para passar nos pães do couvert embrulhadinho que nem aqueles quadradinhos de manteiga (o Sandro adorou, eu torci o nariz). Tinha um monte de outras coisas boas. Enchemos a pança e voltamos para o nosso hotel satisfeitos e felizes da vida.

Estatua no castelo Frederiksborg Hillerod Dinamarca

 

Frederiksborg Slot
Site oficial
Horário: 11-15h de Nov a Mar, 10-17h de Abr a Out (Dom a Dom)
Preço: DKK 75,00

Clique em Frederiksborg Dinamarca

 

Outros blogs que também fizeram esses passeios perto de Copenhagen:

Turista Profissional – Helsingør
Contando as Horas – Hillerød

 

Banner Horizontal Andarilhos Boreais

Clique no banner acima para ler mais posts sobre a nossa jornada pela Escandinávia.

E se você está planejando visitar Copenhagen e precisa de um hotel, tente pesquisar no site do Booking.com. Mas a gente só ganha comissão se você fechar sua reserva depois de ter clicado em um dos links aqui do blog. Se você não achou um link, olha aqui um: hotel na cidade de Copenhagen!!!

 

Escrito por: Gleiber Rodrigues
Compartilhe:
comentarios:9
Posts Relacionados:
07
Nov
2014
9 comentários
  1. Emílio Batista
    14/11/2014

    Ótimas as dicas de passeios. Irei p/ a Europa em janeiro e passarei pela Dinamarca. Alguém pode me indicar um bom seguro de viagem? Abç.

    • A gente geralmente usa o seguro do nosso cartão de crédito (Platinum).
      Mas também tem a Mondial e a Porto Seguro. Abraços.

  2. Sofia Santos
    17/11/2014

    Estive na Europa este ano. Fui no final da Copa, então consegui bons preços e aproveitei bastante. Mas fiz um roteiro que ñ passava pela Dinamarca. Tenho mta vontade de conhecer.

  3. Fernanda Scafi
    19/12/2014

    Estive em Helsingor tb como bate-volta de Copenhagen e o castelo de Kronborg é lindo!!!! Lá dentro tem uma estátua que representa uma das maiores lendas da Dinamarca, do guerreiro Holger Danske. Depois ainda peguei um barco e dei uma voltinha em Helsingborg na Suécia, do outro lado do canal rs. Já fui pra Dinamarca 2x e ainda não fui no Frederiskborg – e eu AMO castelos!!! Ou seja, já tenho “desculpa” pra voltar hahahaha http://taindopraonde.blogspot.com.br/2013/11/bate-voltas-a-partir-de-copenhagen.html

    • Oi Fernanda,
      Fica aí o link para o pessoal. Você não imagina como ficamos frustrados em não ter conseguido visitar o castelo de Kronborg por dentro… Obrigado por passar por aqui!

  4. beatriz
    09/11/2016

    olá, estou amando as dicas!
    Irei fazer um cruzeiro saindo de copenhagen em agosto e terei uns dias a mais por lá. É possível visitar os dois castelos no mesmo dia? De manhã frederiksborg e a tarde kronborg? ou fica muito corrido?

    obrigada

  5. Lucinea
    10/01/2017

    Boa tarde! Eu e minha filha vamos para Dinamarca em setembro ! Gostaria de saber se na Dinamarca aceita dolor americano ou só euro? E se é fácil comprar passeios lá e se dá para ir de bicicleta nos lugares turístico! E ainda se é dacilbalugar uma bicicleta?

    • Oi Lucinea
      A moeda lá não é dólar, nem euro, mas coroas dinamarquesas. Em qualquer casa de câmbio você pode trocar seus euros e dólares pelas coroas. É muito fácil andar de bicicleta por lá sim (o país parece feito para isso!)
      Abraços.