Brique da Redenção – Porto Alegre

Quem não é gaúcho, provavelmente não tem a menor noção do que significa. Para os portoalegrenses, algo tão corriqueiro quanto lagartear ao sol nos dias de inverno. Seja bem-vindo ao Brique da Redenção, a atração de Porto Alegre que é mais conhecida que parteira de campanha.

Brique da Redenção - Porto Alegre

A Redenção (ou Parque da Redenção ou ainda Parque Farroupilha, seu nome oficial) é uma grande área verde no coração da cidade. Perfeita para passear nas manhãs de Sol, seja para espantar o frio do inverno, seja para aproveitar as sombras das árvores no verão.

 

Áreas verdes são sempre bons lugares para fugir da rotina, para dar uma espairecida e para levar as crianças para brincar nos fins de semana. Ou seja, o tipo de lugar frequentado pelos próprios portoalegrenses.

Mas isso não quer dizer que o turista em visita à cidade não possa aproveitar. Afinal, é o lugar onde pode se sentir a alma da cidade, onde se reúnem todas as tribos. Das famílias aos punks, dos manifestantes aos tradicionalistas, dos atletas aos preguiçosos.

Brique da Redenção - Porto Alegre Hare KrishnaHare Krishnas também frequentam o brique da Redenção

Mas e o Brique da Redenção, o que é?

Brique é um termo que significa “negócio com itens usados” – tradução minha do gaúchês para o português brasileiro. Estabelecimentos onde se vendem móveis usados, por exemplo, também se chamam briques ou brics (nada a ver com Brasil – Rússia – Índia – China – South Africa, hein?).

Na Redenção, o Brique toma a forma de uma grande “feirinha” de artesanato. Ou seja, é um nome diferente para algo que todo mundo já conhece. Mas há quem ache esses lugares chatos como gilete caída em chão de banheiro, achando que essas barraquinhas são todas iguais, em qualquer lugar do Brasil.

Mas aí eu vou ter que discordar. Quitutes típicos gaúchos e objetos ligados às tradições gaúchas, você só vai achar por ali. Um exemplo? O artesanato kaigang, para quem pensava que índio só existe na Amazônia.

Brique da Redenção - Porto Alegre Kaigang

 

O que tem para fazer na Redenção

Além de passear pelo brique da redenção, há também outras atrações, como um parque de diversões para crianças pequenas, pista para jogging e trilhas curtas pelo meio das árvores.

Brique da Redenção - Porto Alegre Parquinho

Bem na entrada, há uma espécie de “praça de alimentação” com algumas lancherias (vai aprendendo aí os termos gaudérios!), cafeterias e floriculturas. Para quem curte, em vários pontos do parque há distribuição gratuita de água quente para chimarrão.

Brique da Redenção - Porto Alegre Água para Chimarrão

E se aos domingos o lugar fica mais cheio que penico em dia de baile, nos outros dias da semana, a calmaria convida ao relaxamento. Dar uma volta de pedalinho pelo lago pode soar clichê, mas quem nunca?

Brique da Redenção - Porto Alegre - Pedalinhos

 

Eventos na Redenção

Quem não gosta de lugares amontoados que nem uva em cacho, não vá nos domingos à tarde. Sempre tem algum showzinho ou atividade acontecendo.

Brique da Redenção - Porto Alegre Cafés

Nos sábados, sempre rola a feira de orgânicos e a coleta de produtos recicláveis. Além de eventos fixos como este, toda e qualquer manifestação política e grevista da cidade terá o monumento ao expedicionário como palco.

Brique da Redenção - Porto Alegre Monumento ExpedicionárioMonumento ao Expedicionário

Tem até um auditório recém-reformado, o Araújo Viana. Em Dezembro último (2012) aconteceu ali a eleição da Miss Rio Grande do Sul, para vocês terem uma ideia. No passado, antes de passar 2-3 anos fechado, servia de palco para diversos espetáculos, dos mais pops aos mais alternativos. Esperamos agora que ele volte à ativa de verdade, finalmente.

Brique da Redenção - Porto Alegre Araújo VianaAuditório Araújo Viana

Para quem quer um passeio tradicional como embalagem de maisena, seja por ser tranquilo e sereno como tropeiro de lesma, ou por ficar tão cheio de gente que até parece corvo em carniça de vaca atolada, agora já sabe: tem um lugarzinho bacana em Porto Alegre para você.

Brique da Redenção - Porto Alegre Espelho dágua

Aposto que conhecer a Redenção vai te deixar mais faceiro que mosca em tampa de xarope!

 

MAIS POSTS SOBRE O BRASIL?

 

Foz do Iguaçu
Índice completo de Posts do #BlogTurFoz

Alagoas
Índice completo de Posts de Alagoas

Rio Grande do Sul
Índice completo de Posts do Rio Grande do Sul

Mais Brasil
Brasília: Beleza Árida
Para a Criançada em Curitiba

 

*Todas as expressões gaúchas do texto foram extraídas de http://somosdosul.com.br/index.php/cultura/2011-11-23-20-12-38/expressoes-gauderias-ditados-gauchos

Escrito por: Gleiber Rodrigues
Compartilhe:
comentarios:21
Posts Relacionados:
16
Dec
2012
21 comentários
  1. Super curti! Passamos aí rapidinho no city tour de ônibus. Depois quero voltar com tempo para poder conhecer. ;D

    Dica; Podia colocar um dicionário gauchês no fim dos post traduzindo essas frases típicas, rsrsrs

    • Para que facilitar, se eu posso complicar? kkkkkkk Assim o povo tem o trabalho de tentar descobrir 😉

  2. Daniela
    17/12/2012

    Adorei o post cheio de termos regionais! rs =)

  3. Tereza Gonçalves
    17/12/2012

    Adorei ver publicadas estas fotos e este texto maneiro.Fiquei faceira que nem lagarto ao sol e mais agitada do que cusco em procissão.

    • Que legal que gostaste, Tereza! Fico superfeliz quando você dá uma passadinha aqui no blog! Beijos! 🙂

  4. Quase tão bom quanto lagartear e curtir uma prosa e chimarrão com os amigos na Redenção é vagar sem compromisso em uma tarde de domingo por esse espaço, observando as curiosidades e as figurinhas marcadas que sempre vemos por lá. Gleiber, já faz tempo que penso em fazer alguns registros no “brique”, acho que vou concretizar isso em breve, principalmente depois desse seu post. Aliás, Porto Alegre é cheia desses lugares inspiradores, imagino que devas concordar!

    • Com certeza… Não sei porque não escrevo mais sobre essa cidade tão bonita! Acho que é a mania de achar que o “belo” fica sempre tão longe, que a grama do vizinho é sempre mais verde. Grande erro! Abraços e obrigado pela visita!

  5. Marilia
    18/12/2012

    Moro ao lado da Redenção e ela é a nossa “praia” de inverno/verão!!! Linda matéria!

  6. Jennefer
    22/12/2012

    Nossa More, que legal a foto das Mataji. Já tô numa saudade danada conversando com o Sandro, e ainda vem essas fotos. Preciso urgente voltar a Porto Alegre!

    • Já que a gente não se viu aí, vem para cá para a gente se ver todo mundo por aqui! Beijão!

  7. Tamara
    17/02/2013

    Estou trancada no consultorio sem janela que você bem conhece e lendo este post. Que fotos de iluminação perfeita…senti o calorzinho do sol. Mas a beleza está nos olhos de quem vê, vou tentar olhar o brique com essas lentes douradas. Faltou vc pilchado tomando chimarrão, quem sabe no 20 de setembro? Bj

    • KKKKKKK Sei bem que consultório é esse… kkkkkkk Para as fotos ficarem mais bonitas, falta imaginar que está fazendo aquele friozinho de 18 graus e que o Sol está deixando tudo mais agradável (e não esse calor infernal que fez hoje, credo!). Agora eu, pilchado? Acho que só na próxima encarnação!

  8. Daniel Amado Zago
    21/02/2013

    D+ a matéria, sou gaúcho de Porto Alegre e é sempre bom ver as coisas boas da minha cidade, tenho muito orgulho. Parabéns, agora o calor torna a cidade de Porto Alegre em Formo Alegre, daí tem que se “bandear” pro litoral e ficar de molho até ficar igual a charque!

  9. Jacqueline Thielen
    25/02/2013

    Só acho que você poderia ter falado do principal que é o trabalho do artesão do Brique da Redenção.Que estão cada vez mais esquecidos!!!

    • Bem lembrado Jacqueline! Mas pronto, ó! Seu comentário trouxe o artesão do Brique até o blog!

  10. Kátia
    26/11/2013

    Adorei o post! Irei visitar a cidade em breve e o post me deu mais vontade de conhecer esse parque! =D

    • Legal, Kátia. Venha mesmo. Você vai curtir. Mas lembre-se que os melhores dias são Sábado e Domingo, para você pegar o Brique funcionando.

  11. isabelle
    27/04/2014

    Muito tri adorei!!

  12. […] Porto de Alegre  Parque da Redenção  Por do sol no Guaíba  Um Porto Alegre tri turística – Brique da Redenção Usina do Gasômetro  Museu Iberê Camargo  Rápida passagem por Porto […]