Castelo Peles – o mais belo do mundo

Desafio vocês a encontrar uma lista dos 10 castelos mais belos do mundo que não inclua o Castelo Peles, em Sinaia, na Romênia. E na disputa com pesos pesados como o castelo de Leeds, na Inglaterra ou o Neuschwanstein, na Alemanha, vou ter que confessar que já tenho o meu eleito – basta ver o título deste post.

Castelo de Peles - Romênia

E o que tem ele de tão bonito? Aí vem a tão esperada prova quem em todos os lugares que os Andarilhos do Mundo botam os pés, tem sempre um momento #fail. Tinha uma tal taxa de fotografia de RON 32,00 (algo em torno de R$ 16,00) e adivinhem se a gente pagou?

Bem, mas vamos começar do começo…

 

Sinaia

Os Castelos de Peles e Pelisor são as principais atrações turísticas da simpática cidadezinha de Sinaia. Durante o inverno, o lugar se transforma em um dos mais estilosos e badalados resorts de neve da Romênia.

Entrada da cidade de Sinaia

Já no verão, as formações rochosas exóticas da montanha que se debruça sobre a cidade são um convite para caminhar. Um teleférico leva os aventureiros até o topo com vistas incríveis garantidas. Nós, entretanto, subimos pela cidade vizinha de Busteni, como já contamos no post “Montanhas Bucegi e o verão congelante da Romênia“.

Montanhas Bucegi em Sinaia

Para quem quer se situar, Sinaia fica em plenos montes Cárpatos entre a Valáquia e a Transilvânia. Está a 8,5km de Busteni, 140km da capital do país, Bucareste e 50km de Bran, onde estávamos hospedados.

 

Chegando ao Castelo Peles

Aponte o GPS para a Bulevardul Ferdinand (em Sinaia). Na verdade, há muitas placas indicativas desde a rodovia. Impossível errar! Logo na entrada, você verá uma guarita para retirar o seu ticket de estacionamento. Dirija mais 100 metros dentro da área privada e você verá o lugar CERTO para deixar o carro.

Castelo de Peles e o céu azul

Mesmo tendo perguntado para o guardinha antes, ÓBVIO que a gente deixou nosso Logan no estacionamento ERRADO, a 10m da guarita. E tivemos que subir o resto todo a pé… Veja no vídeo:


Peles Castle from Andarilhos do Mundo on Vimeo.

Se você está sem carro, é tranquilo também. Sinaia tem estação de trem e são só 850m (de subida) até o castelo. O lado bom é que no caminho há várias lojinhas e restaurantes que tornam a cidade uma boa sugestão para uma estadia mais prolongada.

Feirinha de Artesanato em frente ao castelo Feirinha de artesanato bem próxima à entrada do castelo Peles

Visita ao Castelo Pelisor

O castelo Pelisor fica bem do lado do castelo Peles e é praticamente uma versão menorzinha deste último. Infelizmente, estava fechado no dia em que estivemos por lá. Foi construído para ser a casa do sobrinho do rei Carlos I – o futuro rei Ferdinando – enquanto ele era criança. Mesmo não sendo tão grandioso quanto o seu vizinho, é até bonitinho, né?

Castelo Pelisor

 

Visita ao Castelo Peles – por fora

A visita já começa desde a estradinha, quando se avista o castelo pela primeira vez. E, de fato, sua beleza é ímpar! Caminhar em volta dele já é suficiente para se maravilhar e, vejam só, é completamente gratuito.

Castelo de Peles - a gente não se cansa de fotografar

Antes de entrar em seus jardins propriamente ditos, um restaurante / café bem legal se destaca, com seu estilo bávaro. A gente já tinha almoçado quando estivemos lá, mas bem que deu vontade de entrar só para sentar ali um pouquinho.

Restaurante ao lado do Castelo de Peles

Os jardins, cheios de esculturas, as fontes muito bem cuidadas e a floresta de pinheiros do entorno formam uma linda moldura a esse maravilhoso palácio.

Jardins do castelo de peles e a rainha maria

Alguns podem estranhar a arquitetura, nada medieval. De fato, o castelo foi construído no final do século XIX. Com tantas mordomias como eletricidade, aquecimento e até aspirador de pó, talvez o nome mais apropriado do lugar seja “palácio” e não bem “castelo”.

Jardins do castelo de Peles

Definições à parte, outra coisa que chama a atenção é o estilo meio “alemão”, o que não é nenhuma coincidência. O primeiro rei da Romênia – Carlos I – era de origem germânica mesmo. A função de Peles, originalmente, era servir como palácio de verão para a sua corte.

Pedacinho do castelo de Peles - Romênia

Bem, e se do lado de fora o danado já é lindo à beça. Vocês não tem noção do que é por dentro!!!

 

Visita ao Castelo Peles – por dentro

O problema é que se depender dos Andarilhos do Mundo, vocês continuarão sem saber como é por dentro! Por quê? Porque o pão duro aqui não quis pagar a taxa de fotografias. E dessa vez, a técnica infalível de tirar fotos proibidas foi por água abaixo. 🙁

Foto da foto mostrando o interior do castelo.Foto da foto que mostra um dos quartos do castelo

Uma das coisas que mais me impressionou foi a coleção super bem organizada de armas medievais de todo o mundo. Eram sabres, alabardas, katanas e bastardas para nenhum jogador de D&D botar defeito!

Detalhes da fachada do castelo de pelesJá que não tem foto de dentro, vamos ficar com as de fora mesmo

Todos os três tipos de visitas ao interior do castelo Peles são sempre guiados. Baseado no número de turistas que optaram pelo grupo em romeno, estrangeiros são, definitivamente, minoria. Pena eu não ter tirado uma foto do nosso guia, todo trabalhado na elegância de um blaser com dread-locks.

Na verdade, depois de entrar lá dentro e ficar completamente embasbacado com a riqueza das obras de arte, da mobília e a decoração toda em madeira ricamente talhada, duas intrigantes perguntas vinham à minha mente:

– Como aquele adolescente do grupo tinha a cara de pau de continuar fotografando tudo com o seu iPhone depois de ter levado xingada dos seguranças três vezes?

– Se no século passado conseguiam esculpir todas aquelas maravilhas à mão de forma tão perfeita, por que é tão difícil hoje em dia achar alguém que consiga consertar direito a torneira do chuveiro aqui de casa???

Do lado de fora do castelo de Peles

Mas, enfim… O Sandro, tadinho, até tentou tirar umas fotos discretamente. Mas desistiu quando eu resolvi lembrá-lo da proibição tão sutilmente que todo mundo do tour se virou para ver aquele brasileiro louco estapeando uma máquina fotográfica de uma outra pessoa.

Fim de história. Ele guardou a câmera para todo o sempre e eu, morrendo de vergonha, fiquei sem fotos do interior do castelo para provar para vocês que ele era sim, o castelo mais belo do mundo.

estátua do rei Carlos I da Romênia

Serviço

Site Oficial – http://visit.peles.ro

Ingressos

Exibição geral (45min) – 20 RON
Tour opcional I (1h15min) – 50 RON
Tour opcional II (1h45min) – 70 RON
Taxa de fotografia – 32 RON

Horários

Castelos Peles e Pelisor – 15/09 a 14/05
Quarta-feira: 11:00 – 17:00
Quinta a Domingo: 9:00- 17:00
Segundas e Terças: Fechado

Castelo Peles – 15/05 a 17/09
Terça-feira: 11:00 – 17:00
Quarta a Domingo: 9:00 – 17:00
Segunda-feira: Fechado

Castelo Pelisor  – 15/05  a 17/09
Quinta-feira: 11:00 – 19:00
Sexta a Domingo: 11:00 – 19:00
Segunda a Quarta: Fechado

 

Quer ler mais publicações nossas sobre a Romênia? É só clicar no banner abaixo:

andarilhos do mundo na transilvânia

Escrito por: Gleiber Rodrigues
Compartilhe:
comentarios:37
Posts Relacionados:
29
Oct
2012
37 comentários
  1. Rafael Carvalho
    30/10/2012

    Lugares incríveis!!! A Romênia, depois dos seus posts, já entrou na minha listinha! Abração!

    • Que bom saber isso, Rafael! E olha que temos muito ainda para mostrar!!! Sobre castelos… Este até pode ser o mais bonito, sem dúvida. Mas o que eu mais gostei de visitar ainda vem por aí…

  2. Mas sem as fotos do interior temos maior margem para imaginar!!! 🙂

    • É verdade… Mas eu juro que eu queria uma foto daquele salão principal!!! ou do espelho de parede inteira!

  3. Acho que também não pagaria a taxa de fotos…kkkkk

    Animal o castelo…já vi que vcs são viciados nisso!!!

    Até + !!!

  4. Simone
    30/10/2012

    Lindo mesmo o castelo!
    Quanto a pagar para tirar fotos dentro, eu tb acabo optando por não pagar nem tirar, acho meio desaforo, considerando que já estamos pagando a entrada! assim como pagar para entrar em igrejas) Em Budapeste tinha muito disso tb.

    • No país todo tem dessas. Pior que depois eu vi no site oficial que, teoricamente, mesmo pagando as fotos, você não tem direito de divulgá-las publicamente na internet. Acredita? Bem, eles é que perdem em divulgação, na minha humilde opinião.

  5. Sabe Gleiber, até mandei um e-mail para meu ex meio romeno – meio holandês para já tentar garantir uma hospedagem grátis na Romênia, na casa de algum parente dele. hahaha. Graças a vocês, Romênia tá figurando lá no top da minha bucket list de viagens.

    • Mandou mesmo??? Me conta depois se vai rolar! Olha que ficamos 12 dias no país e neste post estamos ainda no 4o dia da viagem!

  6. Jennefer
    30/10/2012

    Sobre o castelo de Pelisor: nossa Gleiber pra ser a casa de uma criança ele tá lindo e grande.
    Sobre achar alguém para consertar a torneira do chuveiro: É porque vc não chamou o Herbert. Tá vendo, não é díficil, é só um pouco… longe 😀
    Ah a mesa da sua sala também é uma maravilha e não creio q ela seja do século passado.
    Realmente, o Castelo de Peles é muito bonito e bem diferente dos outros.

    • kkkkkk É verdade, aquela mesa prova que sim, existem artesãos no século XXI. Agora, para achar gente que trabalha direito com hidráulica, isso sim é coisa rara. Capaz de compensar a “importação” do Hebert, viu? Bjão amore!

  7. Carina-Senzatia
    31/10/2012

    Eu adoro o jeito que vc escreve! Teus posts são muito divertidos! 🙂

    • Mesmo que na hora tenha rolado algum stress, o bom mesmo da vida é rir de nós mesmos depois, não é verdade? Obrigado pelo comentário e pela visita! Seja sempre bem vinda!

  8. Paola Scott
    10/11/2012

    adorei o castelo e amei seu blog! Fui pra Romênia em julho e perdi de visitar esse castelo por falta de planejamento, já que o dia em pensamos ir, estava fechado. acabamos indo pra mamaia, na praia, mas nada de mais..
    Eu tb adorei Bucareste. Achei super seguro ( moro em SP, então imagina o stress por aqui), animado, sempre cheio de gente na rua, enfim me surpreendeu demais! Vou virar visitante habitual daqui! Bjs paola

    • Que legal, Paola! Eu também amei Bucareste. Ir para o Exterior (nem precisa ser na Europa!) sempre me faz sentir tristeza pela violência que existe aqui no nosso Brasil. Nossas cidades e nosso povo tinham tudo para serem mais animados do que aí fora. Mas aí vem essa insegurança que atrapalha tudo. 🙁

  9. CRIS ALLEGRETTI
    10/11/2012

    Parabéns pelo blog e pelas dicas! So vou em 2013 e com certeza suas dicas vão me ajudar para um melhor planejamento! Abraço!

    • Fico super feliz que tem mais gente que se interessa em conhecer esse país ainda tão pouco explorado na indústria do turismo. Mas as belezas da Romênia agradam geral! Tenho certeza de que você vai adorar!

  10. Eu aqui espiando em 2013! Mas tudo bem, pq eu frequento o andarilhos desde 2010, quando tinha pouco visitantes. Ameeei, pra variar.
    Dá até aquela curiosidade de como você consegue ir a tanto lugar perfeito assim?!
    Se for o mercado negro, me inclui hahaha ou me leva na malaaaaaa meninos.

    • kkkkkk Eu lembro das suas visitas de antigamente, Isabela. Bem, a dica é viajar 2 vezes por ano. Sempre! São dois períodos de 15 dias de férias cada. Daí é só escolher bem para onde, hehehehe. Bjos e obrigado pela visita!

  11. Luz
    01/09/2013

    Linda Romênia!!!
    Parabéns, por nos mostrar esse lugar tão lindo especial.

  12. Felipe
    19/10/2013

    Muito legal as dicas da Romênia, parabéns! Por favor, me ajudem com uma grande dúvida. Estou indo passar o Halloween lá e com certeza vou para o Castelo de Peles. As opções que recebi de day trip foram essas (saindo e voltando para Brasov):

    Peles Castle (Standard Tour) + Dracula’s Castle + Rasnov Fortress + Rasnov Cave
    Peles Castle (Standard Tour) + Pelisor Castle + Dracula’s Castle + Rasnov Fortress
    Peles Castle (Standard Tour + Optional Tour I ) + Pelisor Castle + Dracula’s Castle
    Peles Castle (Standard Tour + Optional Tour I ) + Dracula’s Castle + Rasnov Fortress
    Peles Castle (Standard Tour + Optional Tour I ) + Dracula’s Castle + Rasnov Cave

    Qual opção vocês escolheriam? Estou pensando em tirar Rasnov Cave e incluir Montanhas Bucegi. Vocês acham que dá tempo para um dia? Ou é melhor pegar um tour maior no Castelo?

    Muito obrigado e continuem com esse trabalho! Sempre me guio por aqui antes de viajar rsrsrsrs!

    • A gente fez só o Standard Tour no Castelo Peles e já levou tempo o bastante, na nossa opinião. Vimos muitas salas e já ficamos embasbacados com sua beleza (lembre-se que não dá nem para fotografar). Acho que o tour mais completo até pode ser legal, mas eu não faria. Preferiria usa o tempo para ir em outra atração.

      Rasnov Cave a gente também não viu porque iríamos na mesma viagem conhecer outro sistema de cavernas muito mais legal, as cavernas de Postojna, na Eslovênia. Mas se vocês não vão fazer algo semelhante, eu acho que ficaria com a primeira opção. No máximo, a segunda.

      Sobre Bucegi, se há algum tour organizado que faça Peles + Castelo Bran + Rasnov Fortress + Bucegi no mesmo dia, era esse tour que eu faria. Mas pode ser que seja mesmo bem corrido. A propósito, há um teleférico que sobe para Bucegi saindo de Sinaia, a mesma cidade do Castelo Peles. Mas as formações rochosas mais famosas (como a Sphinx Rock) ficam logo ao lado do teleférico de Busteni! Então se for fazer a excursão, veja bem qual teleférico você vai pegar para não perder a rocha certa, tá?

      Sobre dar tempo, eu acho que dá, porque Bran, Rasnov, e Brasov são cidades coladas umas nas outras. Só Sinaia (onde fica Peles) é que está mais longe, mas os teleféricos para Busteni, daí, ficam no caminho.

      • Felipe
        21/10/2013

        Beleza então! Acho que vamos de opção I mesmo (o tour confirmou que não passa por Bucegi). Muito obrigado pela atenção, sucesso para vocês!!

  13. Roberta
    08/03/2014

    Meninos, estou na.Roménia nesse exato momento e o blog de vcd está me.ajudando mto. Estou em subiu, amanhã vamos pra Sinai mtoooooo obrigada.

  14. Maria Mota
    16/06/2014

    Estive na Roménia de 09.03 a 16.03.2014, fui visitarb meu filho, que emigrou para Bucareste. Adorei tudo, mas principalmente o castelo de Peles e a cidade de Brasov. Fiquei um pouco desiludida com o Castelo do Dráculo, mas gostei da envolvência. Se Deus quiser irei lá mais vezes, pois vem a caminho um netinho Luso/romeno, e aí a avó galinha, vai ter que o ir visitar pelo menos uma vez por ano, e ficarei a conhecer melhor a Roménia.

    • Oi Maria Mota,
      Que legal você nos contar sobre a sua experiência. Até hoje não conheci ninguém que tenha ido à Romênia e reclamado! Que país lindo, né? Abraços.

  15. MARCIEL SANCHES KAVILHONE
    11/08/2014

    ANTIGUIDADE, HISTÓRIA, MUITO BOM MESMO, QUERIA TER CONDIÇÃO DE VISITAR TODOS OS CASTELOS.

  16. Suely Maria Pop
    24/01/2015

    Fui para a Romênia em 2011 e pretendo voltar agora em 2015.Sou filha de romeno e fui pela primeira vez com pacote. Comprei o pacote em uma agência em Campinas-SP Só descobri que o pacote era espanhol e não tinha nenhum brasileiro na viagem.Mas deu tudo certinho. Agora pretendo retornar como mochileira com meu filho. Gostei muito das dicas. Cheguei a ir nos monastérios na Moldávia, mas lá não quero mais voltar. Recomendo a Romênia por ser um lugar diferente e por não ter aquele mar de turistas como vários países da Europa

    • Oi Suely,
      A Romênia é mesmo isso que você falou: um lugar para passear sem aquele mar de turistas por perto. Bem legal! Vá mesmo! Abraços.

  17. Sofia Monteiro
    17/05/2015

    Oi Gleiber,
    Estive na Roménia este ano de 20 a 25 de abril no âmbito de um projeto Erasmus+. Amei! A ideia que existe em Portugal daquele país (todo mundo pensa que só vai encontrar gente pedindo esmola na rua, que o país é pobre, sujo…) não tem nada a ver… Adorei o castelo de Pelles,em Sanaia, o Palácio do Parlamento, o ecomuseu “Aldeia Romena” (uma representação ao ar livre de todos os tipos de casa da Roménia, com seus compartimentos e objetos de uso diário), o restaurante Bererie Caru cu Bere em Bucareste e a parte mais antiga da cidade… Estou esperando voltar em setembro para conhecer mais um pouco. Alguma sugestão de lugares a visitar?

  18. Maria
    25/08/2016

    Eu paguei para tirar as fotos, pois já sabia que ele era fabuloso. Eu já economizo em tanta coisa para as minhas viagens, fui pra tão longe e era um sonho antigo, então paguei e fiquei com fotos maravilhosas!!!

    • Oi Maria,
      Hoje em dia já aprendi a lição e pago sempre.
      Se arrependimento matasse…
      Abração.

  19. Eduardo
    13/01/2017

    Salve, rapazes.
    Tô me programando pra viajar em junho para Romênia e, lendo a respeito, vi que Brasov é a cidade ideal para fazer de base na Transilvânia. É viável realizar bate-volta de Brasov para Sibiu, Sighisoara e o tour Castelo de Bran e Peles (pelo q entendi dá pra fazer os dois no mesmo dia, né)?

    • Oi Eduardo
      É uma boa base sim. Sibiu só que fica um pouco longe. Mas mesmo assim dá!
      Bran e Peles dá para fazer no mesmo dia também, tranquilo. Mas eu faria Peles e o teleférico para as montanhas Bucegi no mesmo dia. Combinaria a ida ao castelo de Bran com Rasnov que é bem pertinho.
      Abraços.