Tem Mesquita em Foz do Iguaçu – #BlogTurFoz

Que Foz é um destino mundialmente conhecido graças a um espetáculo da natureza, chamado Cataratas do Iguaçu, eleito como uma das 7 maravilhas naturais do mundo, isso não é novidade para ninguém. Agora, que lá tem uma mega mesquita muçulmana e que a cidade abriga a segunda maior comunidade islâmica do Brasil, isso vocês não sabiam, sabiam?

Mesquita em Foz do Iguaçu - Fachada - #BlogTurFoz

Gosto quando um destino turístico consegue surpreender e, principalmente, oferecer atrações além daquilo que seria o óbvio. E a galera da Loumar Turismo, agência de receptivo local, soube explorar muito bem esse caldeirão multicultural que é a região das três fronteiras, montando um City Tour que te leva a conhecer lugares tão inusitados como esse.

E quando eu digo que o templo é mega, não estou usando força de expressão não! São 600m2 de área construída e só o salão central, onde são feitas as orações, tem 400m2! É, como se diz aqui no Rio Grande do Sul, um verdadeiro salão de baile! Mas em vez de servir para festerê, é um espaço destinado às preces e à meditação.

Mesquita em Foz do Iguaçu - Salão - #BlogTurFoz

Uma excelente oportunidade para ter contato com uma cultura tão exótica para nós, brasileiros, não é mesmo? Muitos vão estranhar a falta de ícones, ilustrações ou imagens. O lugar parece até meio “vazio”…

Mesquita em Foz do Iguaçu - Tapete - #BlogTurFoz Foto by Anna do Blog Finestrino – Todos os direitos reservados

Mas isso é exatamente proposital, pois na cultura muçulmana o lugar de oração é exatamente isso: uma lugar para oração! Não é feito para esbanjar, ostentar, e principalmente, ninguém está ali para ficar se distraindo com a decoração.

Mesquita em Foz do Iguaçu - Detalhe do teto - #BlogTurFoz

Os tapetes são para ninguém se machucar enquanto se ajoelha. Um nincho semicircular chamado mihrab, fica na parede voltada para meca, indicando sua direção. O púlpito, chamado mimbar, é de onde o imã dirige a cerimônia e fica mais elevado apenas para facilitar na emanação da voz. A cúpula arredondada serve para reverberar o som das palavras sagradas e o minarete, aquela torre mais alta, é de onde são emitidos 5 vezes ao dia, os chamados avisando que está na hora dos fiéis fazerem suas preces.

Mesquita em Foz do Iguaçu - Mihrab - #BlogTurFozMihrab

Do lado de fora, há um pátio que é onde todos deixam seus calçados e fazem as ablações (lavagem de pés, mãos e outras partes do corpo antes de iniciar a atividade dentro da mesquita). É uma espécie de “sacrilégio” usar a mesquita para finalidades comerciais, por isso não se permite que turistas pisem no tapete central propriamente dito. E é pecado também representar Maomé ou Alá (Deus) em imagens ou estátuas.

Mesquita em Foz do Iguaçu  - calçados ficam do lado de fora - #BlogTurFoz

Como prova de respeito, as mulheres devem portar roupas compridas e tapar os seus cabelos com um véus. Isso representa que ninguém está ali para expor sua sensualidade, apenas para rezar. Os homens, por sua vez, só podem usar calças abaixo do joelho. Não se pisa em solo sagrado calçado, como é tradição em praticamente todas as religiões do oriente.

Mesquita em Foz do Iguaçu - Meninas com lenço - #BlogTurFoz

Lá no templo, uma senhora bem simpática (tadinha, ela não queria aparecer nas fotos, mas acabou saindo em algumas), ajudou a gente a respeitar esses preceitos acima. Uma pena que ela não se dispôs a nos explicar um pouco da cultura e da religião em si (não sei se haveria tempo, de qualquer forma).

Mesquita em Foz do Iguaçu - Porta com texto em árabe - #BlogTurFoz

Tudo isso que eu expliquei a vocês acima, aprendi em uma visita a uma mesquita “turística” no Egito (não é mais usada para orações de verdade, mas por sua grandiosidade arquitetônica e artística, está aberta à admiração dos não-muçulmanos), na cidade do Cairo.

Mesquita de Alabastro Cairo Egito Mesquita de Alabastro no Cairo, Egito

Foi um passeio bem legal, aprovado por todos nós do grupo de blogueiros e que, como eu disse lá em cima, faz parte do City Tour da Loumar Turismo, que será tema de um próximo post. No mesmo dia de tarde, para completar a experiência exótica de explorar a cultura regional, visitamos o Templo Budista de Foz do Iguaçu, outra atração imperdível. Este sim, já com post aqui no Andarilhos do Mundo.

Clique no banner abaixo para conferir nosso índice com todos os artigos sobre essa viagem:

BlogTurFoz5 - barra

Participaram do 2º BlogTurFoz de 13 a 18 de Março de 2012

Os Blogueiros – Alexandra Aranovich (Destemperadinhos e Café Viagem), Anna Martinelli (Finestrino), Beatriz Mignolo (Viaje no Detalhe), Cidilan da Apresentação (Se Pluga no Mundo), Clarissa Comim (Viagem e Viagens), Daniella Mendes (Dicas e Turismo), Gleiber Oliveira (Andarilhos do Mundo), Jonathan Pádua (Eu Vou de Mochila), Luiz Jr (Boa Viagem), Marcos Coqs (Blog Viajão), Maurício Oliveira (Aventureiros), Monique Ribeiro (Diário Radical), Roberta Martins (Territórios) e Vivian Dornelles (Dicas de Viagem)

Realização: Trilhas e Aventuras e Loumar Turismo em Foz do Iguaçu
Patrocínio: Hotel Bella Italia e Itaipu Binacional
Apoio: Gol Linhas Aéreas Inteligentes

Os Parceiros – Churrascaria Rafain Show – CityTour Histórico – Hotel Águas do Iguaçu – Restaurante Bufalo Branco – Cataratas do Iguaçu – Trilha do Poço Preto – Macuco EcoAventura – Restaurante Porto Canoas – Parque das Aves – Cataratas Argentina – Iguazú Argentina – Restaurante La Selva – Gran Aventura – Iguassu Jungle Explorer – Shopping Del Este – SAX Department – Dutty Free Shop Argentina – Restaurante El Quincho Del Tio Querido – Rafain Chopp – Woods – Cataratas JL Shopping

Apoiadores – MolecoPulp EdiçõesZupper

Dica: Saiba mais sobre o Projeto BlogTur e leve essa Ação de Marketing de Turismo para promover o seu destino nas mídias sociais. Acompanhe o evento pelo Twitter através da Hashtag #BlogTurFoz e as atualizações na Fanpage do BlogTur no Facebook.

Escrito por: Gleiber Rodrigues
Compartilhe:
comentarios:2
Posts Relacionados:
21
May
2012
2 comentários
  1. Milton Kennedy
    23/05/2012

    Saudações legionárias Gleiber!
    Cara, ontem quando vi pelo Google Reader sua atualização com estas fotos fiquei super curioso, porém não foi possível vir aqui e contemplá-las. Realmente não sabia deste templo no sul, e que lugar fascinante! Parabéns pela sua descrição do local e também pelas informações de uma tradição diferente da nossa. Gostei muito.

    Cara, futuramente coloque aqui algum material sobre o show da Legião em Sampa. Infelizmente não poderei ir =(

    Grande abraço, saúde, muitas viagens, amigos, música boa e paz interior.

    • Saudações legionárias!!!
      Claro que logo logo teremos um post super-mega-hiper-ubber especial sobre esse show! Vc não perde por esperar!!!
      E falando da mesquita, é coisa linda demais, viu? Pena que os não-muçulmanos não possam se sentar ali naquele tapete e passar uns bons minutos meditando, pq a aura do lugar é super inspiradora.
      Abração!