Madri – Terra Calorosa com Muito Encanto

Quando de última hora resolvemos passar o carnaval na Europa, já que um mísero pacote no Rio de Janeiro estava em torno de cinco mil reais, não imagina o quanto me surpreenderia com a caliente capital espanhola.

O voo Guarulhos-Madri não foi lá grande coisa já que foi realizado pela TAM, que já teve serviço internacional melhor, mas não seria isso que iria estragar o passeio.

Ao chegar desembarcamos no aeroporto Madri-Barajas (um dos maiores e mais movimentados da Europa) de onde seguiríamos para nossa aventura, visto que dispúnhamos apenas dos dias do carnaval.Descobrimos já no início que táxi não é caro em Madri, o que facilitaria muito nossa locomoção pela cidade.


Chegando

Outro ponto que já nos chamou a atenção foi a cortesia das pessoas. Juro que esperava um povo mais “grosso”, já que é velho o ditado de que “espanhol dorme encolhido para acordar dando coice”. Pelo menos assim meu pai, que é espanhol, sempre disse! Todos com quem conversamos foram extremamente simpáticos e agradáveis, sempre dispostos a nos auxiliar.

Ao chegar ao hotel já descobrimos o quão bem localizado estávamos, tanto que era muito fácil fazer as principais rotas a pé, saindo do próprio hotel.

Madri desde o início

Talvez a melhor forma de começar a desbravar a cidade seja pelo seu ponto mais conhecido – A Plaza Mayor. Um grande espaço do século XV onde se tratava todo o comércio local. Cercada de belos edifícios e cheia de artistas de rua é um lugar para se ganhar um bom tempo bebendo uma deliciosa Sangria, apreciando a arquitetura.


Sangria Madrilenha

Nos arredores da grande praça há um comércio intenso, um emaranhado de pessoas andando, com excelentes cafés e restaurantes, além de inúmeras lojas.


Plaza Mayor

Diferentes de muitas cidades europeias, em Madri você vai encontrar, além de muitos turistas, muitos habitantes locais. Chama a atenção a Calle de Preciados que parte da Puerta del Sol e segue até a Plaza de Callao.


Puerta del Sol

A Puerta del Sol representa o coração de Madri, pois ai se encontra o marco zero da cidade. Uma vasta praça com edifícios antigos como a Casa dos Correos, Convento de la Encarnación e o Real Monasterio de las Descalzas Reales encontram-se aos arredores do Sol. Pela estação de Metro Sol é possível chegar aos demais bairros e distritos de Madri. Sugiro ainda um City Tour partindo da Puerta del Sol a fim de conhecer de um modo geral toda a capital e depois decidir os pontos principais a percorrer em detalhes.

 

Paseos em Madri

Na cidade de Madri há inúmeras alamedas bem arborizadas chamadas de Paseo. Se você é como eu e gosta de aproveitar bem o dia, acordar cedinho e caminhar pelo Paseo Espanhola vai fazer o dia começar com um Q a mais… Uma bela alameda com lindos edifícios clássicos e neo-clássicos que contrastam com a arquitetura moderna. Vale parar para um café ou quem sabe um almoço no Hard Rock Café, localizado neste Paseo.


Paseo Española

Outro ponto imperdível é o Paseo del Prado. Ainda mais charmoso com suas árvores que se encontram, formando túneis verdes vai deixá-lo extasiado até a chegada do belo Museo Nacional del Prado.

Circuito de Artes em Madri

Local de encontro do apogeu da arte espanhola. Se prepare para já na porta do museu se deparar com uma grande estátua de Francisco Goya. No seu interior um grande acervo deste pintor, além de El Greco, Velázquez , Rembrandt e vários pintores da arte francesa, alemã e países baixos, o que transforma este museu em um dos maiores acervos do Mundo.

Atenção especial às obras notáveis deste museu: A Santíssima Trindade de El Greco; Saturno devorando um filho, de Goya; As Meninas, de Diego Velázquez e quantas mais você conseguir apreciar.


Museu do Prado

No piso subterrâneo do Prado vale uma pausa para um café e aquisição de uma gravura das obras do museu. Dica interessante se você não tem muita paciência com museu é ir ao Prado após as 17h, pois não pagará ingresso, mas terá menos tempo para apreciar as obras. Assim pegue um guia em português no saguão principal e procure os principais pintores que queira ver, pois se não me engano o museu encerra suas atividades às 20h.


Paseo del Prado

Outros museus que valem visita é Museo Thyssen-Bornemisza com a coleção privada do Barão Hans-Heinrich Thyssen Bornemisza considerada uma das mais importantes do mundo. No Museo Nacional Centro de Arte Reina Sofía você irá encontar uma jóia – O quadro Guernica de Pablo Picasso, além de obras de Juan Miró, Torres Garcia, Oskar Schlemmer e vários outros.

 

Gran Via

A Gran Via é um marco importante da capital espanhola, visto estarem nela a Torre Madrid (1957) e o enorme Edificio España. A Gran Via foi criada em 1910 e faz a ligação da bela Plaza de Cibeles à Calle de la Princesa. A Plaza de Cibeles é um dos mais famosos locais de Madri, em parte pela beleza escultórica da Fonte de Cibeles que decora a praça e em parte pela animação das multidões que a invadem sempre que o Real Madrid obtém mais um título nos campeonatos de futebol.


Palácio de Cibeles

A Fonte de Cibeles, de 1782, com três tanques sobrepostos, é coroada por uma escultura representando a deusa Cibele, mãe da vida e da fertilidade, no seu carro puxado por dois leões. Além de se encontrar no cruzamento de algumas das mais importantes vias madrilenas, possui edifícios de grande interesse, como o Palácio das Comunicações.


Fonte de Cibeles

Ao norte da Gran Via há o bairro de Chueca, famoso por ser o bairro boêmio da cidade, com inúmeros bares e discos.


Retiro e Salamanca

Se você estiver emMadri e quiser descansar depois de fazer uma visita aoMuseo del Prado, nada melhor do que se jogar no gramado doParque del Retiro, também conhecido simplesmente como El Retiro, localizado a poucos metros do museu.

Se não é o maior, com certeza possui os mais incríveis jardins da capital espanhola. Conta com uma infinidade de estátuas, fontes e monumentos comemorativos que foram povoando os jardins e o transformaram num museu de escultura ao ar livre.


Parque del Retiro

De todas elas, vale a pena destacar a fonte do Anjo Caído, cuja estátua principal representa o diabo. Uma das principais atrações é o lago retangular localizado bem no meio do parque. Também é possível avistar um monumento ao rei Alfonso XII e fazer um passeio pelos jardins (ou simplesmente relaxar e apreciar a paisagem).

Também vale a pena visitar o Palácio de Cristal, uma estufa de metal e vidro desativada que atualmente abriga exposições regulares do Museu de Arte Rainha Sofia. Ele fica localizado na parte sul do parque. Mais ao sul, está o Jardin Botanico Real. Esta parte não pertence ao parque, mas contém muitas variedades de flores e plantas, e vale a visita. A entrada é gratuita.


Salamanca

Nos arredores del Retiro está o bairro nobre de Salamanca, com suas lindas construções e paseos arborizados convidam a uma caminhada.


Puerta de Alcalá

Bem próximo à Puerta de Alcalá está a Plaza de Toros de Las Ventas, com capacidade para mais de 22.000 expectadores para as tradicionais touradas.


Plaza de Toros

 

Palacio Real e Catedral de La Almudena

Partindo da Plaza Mayor pela Calle Mayor na direção do Bairro de Argüeles você chegará ao Palacio Real, também conhecido de Palacio de Oriente. Finalizado em 1764 em estilo barroco com toques renascentistas vale a pena uma vista em um período do dia.

Ao seu lado a Catedral de La Almudena. Chama a atenção que a catedral demorou 110 anos para ser construída sendo concluída em 1993 quando recebeu a visita do Papa. Em frente ao Palacio Real está a bela e bem cuidada Plaza de Oriente, repleta de jardins, estátuas e cafés e ao seu fundo o Teatro Real. Da praça também se avista o Monasterio de la Encarnación.


Catedral de la Almudena

 

Dica de hospedagem e alimentação

Madri conta com uma excelente rede hoteleira. Ficamos hospedados no Hoteles Catalonia Atocha, na Calle Atocha, bem próximo à Plaza Mayor. Fica a sugestão e o site.

Outro ponto interessante é a culinária espanhola. Os espanhóis adoram carnes que estão presentes em grande parte dos pratos. Não deixe de comer o delicioso Jamon Serrano – presunto serrano. Lembra um presunto de parma, porém mais saboroso.

Outra iguaria da culinária espanhola, principalmente em Madri são os Tapas. Há restaurantes especializados nestes pratos por toda a cidade. Na Plaza de Santa Anna há bons e limpos restaurantes. Detalhe, não peça se estiver sozinho ou se não comerem frutos do mar, pois trata-se de pães cobertos por carpaccio de peixes, lulas e polvos, queijos, ceviche. Uma delícia e muito bem servido.


Tapas espanholas

A paella (e na Espanha se pronuncia paeLHa e nunca paeDJa como nuestros ermanos argentinos) também pode ser encontrada em inúmeros restaurantes. Convido a provarem a Paella Valenciana, que não tem frutos do mar e sim carne de coelho e frango. Simplesmente perfeita e também muito bem servida. Acompanha muito bem um bom vinho tinto espanhol. Paleta de cordeiro também será muito bem apreciada por um bom gourmet.


Cordeiro à moda espanhola

Mas acho que a melhor dica para comer em Madri ou qualquer outra cidade espanhola é sair cedo para jantar. A cidade não dorme. Você vai se deparar com pessoas nas ruas até altas horas da madrugada, porém após as 23 horas encontrar um restaurante aberto poderá se tornar uma verdadeira tourada.

Brasileiro sempre sofre, pois estamos acostumados a comer qualquer hora e sempre constato. A única cidade do Mundo onde você encontra um restaurante aberto de madrugada é São Paulo. Nem Nova Yorque tem esta proeza. Agora imagine na Europa com todos seus hábitos e cultura de pontualidade.

Escrito por: Rodrigo Molina
Compartilhe:
comentarios:6
Posts Relacionados:
06
Feb
2012
6 comentários
  1. Paula Brum
    17/07/2012

    Rapazes, adorei o site. É minha primeira incursão por aqui e já amei as dicas de Madrid, para onde irei em novembro/2012. Mas irei garimpar mais informações e me deliciar com as experiências de vocês nos outros post também. Abraços e parabéns pelo lindo site!!!

    • Rodrigo Molina
      21/07/2012

      Oi Paula… Muita obrigado pelo comentário e que as dicas te ajudem… Madri é uma cidade fantástica. Tenho certeza que vc vai amar e não deixe de compartilhar conosco suas experiências!!!

  2. Carmem
    09/11/2012

    Oi paula!

    Olha aqui mais dicas sobre Madri!
    http://www.conexaomadri.com

    Esperamos que você adore a cidade, como nós!

  3. Olá rapazes… e “cá estou eu novamente”, mas dessa vez para agradecer as dicas e partilhar com vocês o sucesso de minha incursão por aquelas terras. Tdo o que o Molina escreveu é a mais pura realidade, Terra linda. Abraços e obrigada!!!

    Paula

  4. Vanessa
    06/10/2013

    Oi rapazes , estamos indo no próximo dia 13/10 para Espanha e ficaremos 4 dias em Madri.
    Gostaríamos muito de ir num restaurante q tenha esse cordeiro a moda espanhola, vcs podem passar os endereços?
    Preciso fazer reservas?.
    Se tiverem mais alguma dica imperdível além das maravilhosas que já citaram , agradeço

  5. Kalinka Sansonowicz
    10/10/2014

    Olá!! Adoro viajar e estou tirando muito proveito das informações do andarilhos do mundo! Site muito bem escrito, e muito motivador. Instiga a viajar a qualquer destino descrito por aqui! Parabéns!