Usina do Gasômetro – Porto Alegre

Porto Alegre abriga algumas atrações gratuitas, que qualquer visitante pode desfrutar quando estiver por aqui. Uma delas é a usina do gasômetro, que frequentava quase diariamente quando morava nas suas proximidades.

Esse artigo foi parte de uma blogagem coletiva, com a participação de vários outros sites de turismo gaúcho. Para mais detalhes sobre a #BlogagemColetivaPoA, clique AQUI.

A usina do Gasômetro (ou só Gasômetro mesmo, para os íntimos) é uma construção bem antiga, mais precisamente de 1928 e originalmente era uma termelétrica. Deixou de funcionar em 1970 e desde então transformou-se em uma zona decadente, até ser revitalizado e transformado em sede de diversos eventos culturais.

Eu morei por muitos anos num bairro vizinho, a Cidade Baixa e o gasômetro ficava a meros 2-3km da porta de casa. Costumava naquela época praticar as minhas corridas na pista que margeia o rio Guaiba. Lugar belíssimo, cheio de verde, atrai não só corredores como também ciclistas, rollers, skatistas e outros “atletas” para desfrutar da avenida que fica com o trânsito bloqueado aos domingos para justamente estimular a prática de esportes.

No entorno, há estacionamento gratuito, é fácil de chegar de transporte público e nos feriados e fins de semana de sol, torna-se um dos principais pontos para um chimarrão e uma caminhada. Várias barraquinhas vendem comidinhas de rua: churrasquinho de gato, milho, algodão doce, pipoca, churros e todas essas coisinhas que a gente não confessa, mas adora.

Sempre rola algum evento. Hoje, quando fui até lá tirar as fotos para esse post, estava tocando uma bandinha marcial, acontecendo uma exposição de arte ao ar livre, além de fragmentos 8ª Biena do Mercosul dentro da chaminé da usina. Lá dentro há ainda mostras de fotografia e outras artes visuais, além de salas de cinema e teatro. Ou seja, é um dos mais vibrantes espaços culturais da cidade, principalmente para a arte dita “alternativa”.

A maioria das pessoas que circulam por ali, entretanto, não foram com a intenção de admirar obras da tão exótica arte contemporânea. Foram apenas dar uma banda, lagartear ao sol ou tomar um chimas. Do ladinho, as águas do Guaiba brilham azuis nos dias de sol, fazendo os portoalegrenses esquecerem um pouco da vergonha da sua poluição. Centenas de pessoas caminhando, correndo, brincando e andando de bici reencontram a alegria de passear em família, ou simplesmente namorar.

Todas as cidades tem uma silhueta, um desenho, um prédio que a simbolize. As curvas do pão de açúcar no Rio de Janeiro, o elevador Lacerda em Salvador, a ponte Hercílio Luz de Florianópolis, a Torre Eiffel, a estátua da Liberdade… Adivinhem qual é a de Porto Alegre? Alguns podem dizer que é o Laçador, monumento que fica na entrada da cidade, mas eu discordo.

Mas tem uma coisa que, tenho certeza, é unanimidade. Não há um só gaúcho que discorde! Podem chamá-los de bairristas ou exagerados, mas é verdade. Gremistas ou colorados, TODOS, sem exceção vão te dizer: o espetáculo do Sol se pondo às margens do Guaiba, do lado do Gasômetro, enquanto ele derrama seus derradeiros raios sobre aquelas águas mansas é o mais lindo do mundo!

800px-Crepúsculo_à_beira_do_GuaíbaAutor desta foto: Ricardo André Frantz 2006, todos os direitos reservados

 

Até a próxima!

Participam também dessa blogagem coletiva:
http://www.viagemeviagens.com
http://www.blogdicasdeviagem.com
http://www.andarilhosdomundo.com
http://www.viajardiferente.com.br/wp
http://mochiladajuli.blogspot.com/
http://www.dicasroteirosviagens.com
http://www.inquietosblog.com.br
http://www.iberecamargo.org.br/blog

 

 

MAIS POSTS SOBRE O BRASIL?

 

Foz do Iguaçu
Índice completo de Posts do #BlogTurFoz

Alagoas
Índice completo de Posts de Alagoas

Rio Grande do Sul
Índice completo de Posts do Rio Grande do Sul

Brasília
Brasília: Beleza Árida

Escrito por: Gleiber Rodrigues
Compartilhe:
comentarios:8
Posts Relacionados:
13
Nov
2011
8 comentários
  1. MitraLiterata
    14/11/2011

    Esse post me deu ainda mais vontade de conhecer Porto Alegre, cidade que só estive de passagem. Mas quanto ao pôr-do-sol (que me pareceu belíssimo), devo discordar. O pôr-do-sol do alto das dunas de Jericoacoara é paradisíaco. Mas como gosto é algo muito individual, reconheço a beleza do pôr-do-sol portoalegrense.

  2. Opa! Gleiber,

    Quando estive em Porto Alegre (já faz um tempinho, e foi de passagem)o pôr do sol, estava lindo… como nunca antes tinha visto! Eu já tinha uns dias viajando desde São Paulo, e da Janela do ônibus, não houve pôr do Sol mais lindo, do que aquele, atravessado a ponte (aquela que dá na rodoviária). Tenho gravado até hoje!
    Abraço!
    Ótimo post, parabéns.

  3. Pois é… Eu que sou um gaúcho fajuto (sou mineiro, na verdade) acho muito engraçado essa paixão que os gaúchos tem pelo seu estado (sua pátria!). Embora eu diga com um certo tom de brincadeira que o pôr-do-sol daqui é o mais lindo do mundo, na verdade acho que os gaúchos acham DE VERDADE isso. Depois de 9 anos aqui e de ver vários outros pôr-do-sol mundo afora (como é o plural de pôr-do-sol????), acho que estou começando a concordar com eles!!!

  4. Adoro esse lugar! Principalemnte aos domingos para patinar ou ver o pôr-do-sol que é lindoooo! 😉

  5. Sérgio Murilo
    17/11/2011

    Tambem não sou natural de Porto Alegre, moro à 5 anos e amo essa cidade com todos os seus prós e contras. Com certeza o gasômetro é um dos pontos mais importantes para se visitar em POA.

  6. Obrigado pelos comentários pessoal! Porto Alegre é a cidade pela qual me apaixonei e que escolhi para viver. Não dá para ser muito imparcial ao falar dela, né?

  7. Pri
    21/11/2011

    Eu adoro o gasômetro tb, com frequência fazia caminhadas no final da tarde e aproceitava para tomar água de côco. Adoro!

  8. […] da Redenção  Por do sol no Guaíba  Um Porto Alegre tri turística – Brique da Redenção Usina do Gasômetro  Museu Iberê Camargo  Rápida passagem por Porto […]