Diga NÃO a Aerolineas Argentinas

Não é à toa que o consulado brasileiro em Buenos Aires emitiu em 2011 um comunicado nos aconselhando a não voar por essa companhia. A gente até compreende as intepéries a que estamos sujeitos ao viajar de avião. Problemas com o vulcão Puyehue, chuva intensa e outros imprevistos podem causar cancelamentos e atrasos, mas essa companhia, infelizmente, extrapolou todas as lógicas e a nossa capacidade de compreensão.


O que fazer em 11h de Aeroporto?

Primeiro foi o voo de Buenos Aires (Aeroparque) a Santiago do Chile. Logo à chegada no aeroporto, mudança de horário para 1h mais tarde. E depois, remarcação de horário, mais remarcação, um aviso de horário indefinido e por fim, quando piorar parecia impossível, vieram nos avisar (uma pessoa veio avisar no saguão a todos os passageiros, gritando em meio à multidão furiosa) que o voo sairia dali a mais 3 horas, saindo do Aeroporto de Ezeiza.

 

A desculpa foi a chuva, que já estava fraca. Só que TODOS os outros voos saíram nos seus horários certos. E TODOS os voos Aerolineas estavam com problemas! Incrível! Depois de 4 horas e meia de atraso, todo mundo fazendo a desmigração (eu nem sabia que essa palavra existia!), embarcando num ônibus, sendo transferidos de aeroporto e fazendo a imigração novamente, para só então reembarcarmos.


Rir para não chorar! Pelo menos em Ezeiza tinha internet

Nos ofereceram uma janta que foi tão intragável que era melhor não terem nos oferecido nada! Pena que não tirei as fotos… Nos disseram para ir a um restaurante (Terrazas Ezeiza, que parecia até decente) e com os cartões de embarque poderíamos escolher entre um bife à milanesa com purê ou macarrão penne com molho branco. E um refri incluído. Simplesmente não consegui comer a massa! E olha que eu não sou o tipo exigente para comidas…

Bem, depois de exatas 7 horas de atraso, finalmente embarcamos, para chegar a Santiago a 4:30h da manhã (tínhamos chegado no aeroporto às 15:30!!!). Estávamos com dois idosos, que não tiveram onde dormir e ainda bem que estávamos de férias.

Mas daí tem o voo de volta! Ao chegar no aeroporto de Santiago, voo com o horário remarcado para 1 hora depois e com um recadinho: cancelado! Não havia nenhum balcão de check-in da companhia e pior: não havia balcão nenhum, nem aqueles de compra de passagens!


Espera… espera…

Fomos no serviço de informações do aeroporto e daí a notícia: não havia funcionário nenhum para entrarmos em contato e teríamos que aguardar até as 09:30h (eram 7 da manhã!) para que abrisse um guichê de check-in.

Detalhe: dias lindos de sol, o Puyehue calmíssimo. Qual será o motivo do cancelamento do voo????

Felizmente, abriu um guichê às 08:30h e pudemos despachar as nossas bagagens. O funcionário até que nos atendeu bem, mas ao final veio com uma perguntinha: se o voo de vocês é só às 13:15, por que estão aqui tão cedo????

Por quê????

Porque nosso voo era para as 09h10!!!!!!

O funcionário parecia nem saber o que tinha acontecido. Resultado. Mais 4h de atraso previsto e sei lá mais quantas horas de novos atrasos. Acordamos às 05:30h para cumprir todos os procedimentos de embarque. É ridículo!


Difícil, hein?

Acreditem! Não há economia que justifique esse chá de aeroporto! Eles simplesmente te fazem perder o dia, o humor, a graça de estar viajando de férias. Sem falar que você acaba gastando mais, comprando coisinhas naquele preço já famoso de aeroporto.

Aereolineas Argentinas, um recadinho: NUNCA MAIS!!!

Se você também tem histórias tristes como essa sobre essa companhia, compartilhe com a gente aí na caixa de comentários!

 

Mais sobre a Argentina aqui nos Andarilhos do Mundo?

Escrito por: Gleiber Rodrigues
Compartilhe:
comentarios:16
Posts Relacionados:
23
Aug
2011
16 comentários
  1. Ilza
    23/08/2011

    As Aerolineas Argentinas continuam honrando a sua tradição de ser a pior companhia aérea das Américas e quiça do mundo.

  2. Gleiber
    23/08/2011

    Nunca JAMAIS, na história desse país, veremos uma companhia tão sacana!

  3. César
    25/09/2011

    Concordo em gênero, número e grau. Infelizmente costumo viajar com certa frequência à Argentina, tendo de me sujeitar ao péssimo atendimento dessa empresa.

  4. Gleiber
    25/09/2011

    A fama deles tá indo de mal a pior e sabem como é. Conseguir uma imagem positiva dá muito trabalho. Agora, espantar clientela é fácil, fácil… Não tenho pena…

  5. Roberto
    22/10/2011

    Aerolíneas Argentinas nunca mais. No dia 17/10/11 a empresa deixou os passageiros de 2 vôos Aeroparque-Guarulhos esperando por 8 horas. O pior não foi a espera. Nos deixaram sem notícias, não havia guiche nem funcionários na área de embarque internacional para dar nenhuma notícia. Os passageiros não podiam sair e a única forma de comunicação era um terminal telefônico direto com a companhia no qual o funcionário não informava nada, tratava os passageiros muito mal e frequentemente desligava na cara de quem ligava. Todas as outras companhias decolavam no horário sem problemas e no meio desse calvário decola um avião da Aerolíneas de BsAs para o RJ no horário sendo que os passageiros para Guarulhos estavam com um atraso de mais de 6 horas. Quando apareceram funcionários na área de espera internacional, percebeu-se que não tinham a menor educação e condição psicológica para atender clientes. Além de diversas grosseirias, eu presenciei 2 funcionários mandarem 2 mulheres em momentos diferentes calarem a boca, inclusive com dedo em riste e ar ameaçador, sendo que uma delas era uma idosa.
    Depois disso eu até esqueci os aviões velhos e comissários mal-humorados.

  6. mateus
    28/01/2013

    a aerolinhas so não e pior por falta de avião…serio, eu sou obrigado a usar pq moro no sul, e a tam não esta mais indo para la…sou de mdz e vou sempre de aerolinhas para o brasil…e uma M….nada funciona…seeeeempre atrasa…se tem que ir de aerolinhas…se prepara…vai atrasar….

  7. nidia
    27/09/2013

    Acabei de voar com a Aerolineas Argentinas e Lan para nunca mais na minha vida. Antes da viagem alteraram 3 vezes os horários e a Lan alterou a data da nossa conexão, isto é, fomos obrigados a ficar um dia em Buenos Aires e perdemos a diária paga em Ushuaia. A pior foi alterar em pleno voo o aeroporto….lá em cima avisaram que o avião não pousaria no Aeroparque, mas no Ezeisa. Falta de respeito total com o cliente que te faz perder a graça da viagem. NÃO VOEM DE AEROLINEAS E LAN.

    • Com a LAN também? Nossa! E eles não deram nenhuma justificativa para tantas mudanças? Que desrespeito!

  8. nidia
    29/09/2013

    Gleiber….nós é que ficamos ligando direto para eles posicionarem sobre hotel e custos por conta deles. Apenas na véspera da viagem é que enviaram os vouchers. A única explicação é que não haveria voos no dia que compramos.

    • Isso faz a gente ficar com medo de viajar, né? Que propaganda negativa para o turismo do país deles…. Tomara que quando eu for não ocorra nada parecido (para ir até lá não tem lá muita escolha, né?)

  9. Viviane
    15/02/2014

    Nossa, li na web tantos comentários ruins sobre a AA que preciso dar meu depoimento.
    Foi minha primeira viagem de avião, então imaginem o receio…
    Bem, fui com meu marido em novembro de 2013 para Mendoza (conexão de ida por Ezeiza e de volta pelo Aeroparque). Desde o momento que comprei as passagens, fui extremamente bem atendida, com uma exceção em Ezeiza.
    Na ida, vôo tranquilíssimo, fiquei até com vergonha de não ter voado antes – e sem nenhum atraso sequer. Em Ezeiza complicou: fila enorme da imigração(mas não nos pediram nada, só o passaporte, porque tínhamos)e nosso embarque para Mendoza era sei lá onde, ninguém informava direito, até encontrarmos um funcionário excepcional da AA, que nos levou junto com uns 4 idosos, inclusive um com cadeira de rodas conduzido por ele. Depois de achar o local certo, outra fila gigantesca para despachar bagagens, e quase perdemos a conexão – funcionárias da AA em Ezeiza são terríveis. Esse vôo atrasou por 30 minutos por conta dessas filas.
    Na volta, tudo tranquilo também, sem atraso em nenhum vôo, apenas uma instabilidade constante no vôo Aeroparque-GIG, sensação de morte mesmo, mas atraso nem pensar. Refeições muito agradáveis para vôos tão curtos: pão com presunto e queijo, chocolate e bebidas à vontade, no mais curto barra de cereal, alfajor, suco de caixinha e bebidas à vontade. Dou nota 9.

    • Tá aí. De vez em quando tem que sair alguma coisa direito, né? kkkk
      Bem, na média eles estão muito ruins. Mas é claro que haverá extremos de bom atendimento e qualidade e extremos de azar como o nosso… 😉

  10. Samantha
    06/06/2014

    Sinceramente sempre fui até a argentina de carro, por isso talvez não soubesse a comédia que é viajar por aerolineas.
    Que coisa horrorosa, juro já voei em coisas surreais como um teco teco que pegamos na Bolívia entre outros, mas a aerolineas ganha em pesadelo de braçada.
    Além de filas gigantescas onde vc não sabe nem onde é o início nem onde é o fim e simplesmente faltam pessoas para informarem, vemos tbm no momento do check in um bando de múmias com cara de que não comem a dias e loucos pra te extorquir,minha mala toda destruída na esteira como se tivesse passado por um triturador,turbulências inacreditáveis e acreditem se quiser a comissária foi de cara no chão em uma delas e se já não bastasse tudo isso no fim do voo de volta quando já estávamos aguardando pela abertura das portas a tal comissária irritada com um passageiro que tentava manter seus pertences no colo, grita pelo microfone do avião”senhor…o senhor fala inglês, espanhol, japonês, português…porque eu estou mandando..senta agoraaaaa”
    Tudo isso dito em portunhol..claro…mas juro nunca ri tannnto em toda a minha vida,e mais rimos alto…todos batemos palmas para a tal comissária e agradecemos a tremenda solicitude e delicadeza demonstrada…caramba foi pior do que qd viajei de trem com um bando de asiáticos olhando pra minha cara…Jamais voltarei essa é certa..Melhor pagar um pouco mais e tentar a Lan…quem sabe

  11. Compramos um pacote turístico pela CVC, para viajarmos para Ushuaia/El Calafate/Bariloche, no período de 26/12/2016 a 09/01/2017. Alguns dias após a compra das passagens fomos informados da alteração do horário do vôo/mudança de aeroporto e também do cancelamento do vôo quando do retorno, obrigando-nos a pernoitar em Buenos Aires, cujo pernoite seria bancado pelas Aerolíneas.
    Mas, fomos pessimamente atendidos pelas Aerolíneas Argentinas, quando do nosso retorno para pernoitarmos
    em Buenos Aires, por conta da alteração do vôo. Não sei se porque o nosso
    bilhete era de classe econômica!!!
    Primeiro, o funcionário que nos atendeu demorou de entender a autorização da própria Aerolíneas, que
    lhe apresentei. Depois, demorou outro tanto de horas para, segundo ele, conseguir um hotel para nos
    acomodar. O hotel para onde nos mandaram era uma espelunca. O café da manhã fazia vergonha.
    Sem uma fruta sequer. O suco que tinha parecia de sabor estragado, não consumimos.
    As Aerolíneas deram uma autorização para pegarmos o táxi, somente de ida para o tal Hotel River.
    O táxi Ezeiza que eles autorizaram não chegava no ponto para nos pegar. Depois ficamos sabendo
    que tínhamos que levar a autorização das Aerolíneas até o box do táxi Ezeiza para que este desse
    a autorização definitiva. Somente assim conseguimos pegar o táxi e ir para o tal hotel.
    Antes de sair do aeroporto pedi ao funcionário das Aerolíneas que nos desse a autorização de volta,
    ou seja Hotel/Aeroporto. Ele me disse que deveríamos ligar para o táxi Ezeiza e agendar o nosso
    traslado (hotel/aeroporto) e pagar com o nosso dinheiro, pegar um recibo que eles iriam nos ressarcir
    em dinheiro.
    Ao chegarmos no tal hotel, pedimos à pessoa que nos atendeu que ligasse para o táxi Ezeiza e agendasse
    o nosso traslado. Passei o número do telefone do táxi Ezeiza para o funcionário que nos atendeu na portaria
    do tal hotel. Ele ligou e me disse que já estava agendado, com o táxi Ezeiza, para o nosso traslado no
    dia seguinte.
    Ocorre que no dia seguinte chegou um senhor para nos levar ao aeroporto. Eu ainda peguntei: o senhor
    é do táxi Ezeiza? Sim.
    Entramos no táxi e fomos para o aeroporto. Pedi ao Sr do táxi um recibo do valor que pagamos, $580,00
    pesos argentinos. Ele nos deu um papel e assinou dizendo ser o recibo. Ainda demos uma gorgeta de $20,00
    pesos argentinos. Ao todo pagamos $600,00 pesos argentinos.
    Quando nos dirigimos ao atendimento das Aerolíneas eles nos disseram que aquele recibo não servia e
    que o táxi que pegamos não foi o táxi Ezeiza. Resultado ficamos sem ser ressarcidos da despesa que
    tivemos com o traslado hotel/aeroporto.
    Chegamos à conclusão de que foi malandragem do funcionário do tal hotel. O que nos pareceu já ser praxe
    entre eles, já que não tínhamos mais como reclamar, pois já estávamos deixando o país. Isso nos deixou
    uma péssima impressão do atendimento da própria Aerolíneas, que no mesmo momento em que nos deu
    a autorização para o traslado aeroporto/hotel deveria ter nos dado, também, do hotel/aeroporto.
    Aerolíneas Argentinas, nunca mais, com fé em Deus.