Berna e Gruyères: Queijos e Chocolates

Ao norte da região da Riviera Suíça, fomos visitar o celeiro do país: a região da Gruyères (desculpem os erros gramaticais do francês, não tenho a menor noção da língua). Ali, pastagens verdinhas, campos em meio a vales férteis, muitos rios e lagos (um pouco secos, mas presentes).


La Gruyères

Conclusão, a região é sede de uma pecuária intensiva, com a produção de um leite de sabor inigualável. Os famosos queijos e chocolates suíços não poderiam sair de outro lugar!


Fábrica de chocolates em Broc

A região sabe também aproveitar esse apelo turístico e investir em museus e sítios de visitação, aproveitando seus vários castelos e sua paisagem de filme.

Começamos nosso tour na tardinha de quarta-feira, dando com a cara na porta na fábrica de chocolates Cailler. Isso que dá não prestar atenção aos horários de abertura e fechamento antes! Seguimos então viagem, pois naquele dia dormimos em Berna, mas voltamos para o tour na quinta-feira.

E por que os chocolates Cailler?


História do chocolate suíço

Porque este é o local original onde a primeira fábrica de chocolate suíço foi fundada! Como empresa, os chocolates Cailler se fundiram a várias outras fábricas até serem compradas pela Nestlè nos idos dos anos 30, mas sua história foi preservada e seus chocolates continuam sendo fabricados com o mesmo nome há quase 200 anos!

Visita incrível, com direito a degustação no final: a melhor parte!


Tipos de cacau para a gente cheirar, tocar, morder…

Saímos carregados de lá! E como não haveria de ser?


Lugar feio essa Gruère, hein?

De lá, fomos para a cidade de Gruyères propriamente dita (a fábrica Cailler fica em Broc) e nos surpreendemos com o vilarejo medieval, suas construções de 300-400 anos e sua praça central com fontes de água fresca.

Muito pitoresco…


Os pilares que se levantam para impedir a entrada de carros no centro histórico

Claro que ali havia um castelo e vocês já devem ter aprendido que os Andarilhos não perdem um castelo! Principalmente se visitá-lo sai de graça com o Swiss Pass!


A cidade de Gruyères

A cidade (e seu castelo anexo) ficam no alto de uma colina, de onde se avista toda a região (florida, pois já é primavera!).


Mais castelos…

Lá perto, mas um museu: La Maison du Gruyère (acho que é esse o nome), onde assistimos à fabricação do mais famoso dentre os queijos suíços.

Ganhamos amostras para degustação, sentimos os aromas dos buquês que formam o sabor/cheiro do queijo. Tinha guia em português para o tour!

Ali descobrimos que o sabor inigualável desse queijo (muito usado para as fondues!) vem das flores e temperos no pasto dos Alpes. Uma coisa que só é possível por aqui.


A máquina que escova os queijos durante o processo de maturação, que dura meses!

Depois de se empanturrar, seguimos viagem até Berna (de novo) para finalmente conhecer a cidade. Bem, não preciso dizer que é um lugar extremamente charmoso, histórico, pitoresco e blá, blá, blá, porque vocês todos já devem ter notado que todo o país é assim!


Prédio do Parlamento

Mas Berna tem uma vibe diferentes, é alegre, vibrante. É como se fosse movimentada como Viena, mas com o charme histórico de Praga. Entendem?


A arquitetura de Berna

Não é o lugar que eu mais gostaria de morar (das cidades dessa viagem, meu lugar preferido para morar seria Montreux), mas muito bom para visitar.


Senhores jogando xadrez na rua

A rua principal tem lojas de todos os tipos dos dois lados, paralelepípedos nas ruas e trans passando (tipo aqueles bondes) para lá e para cá.


O tram

Abaixo do nível da rua, lojas no subsolos, milhares de ruelas e travessas onde você se perde.
Mesas na calçada, café, músicos de rua. Bem, é um lugar para passar a tarde fazendo comprinhas, passeando e fotografando a dezenas de estátuas de William Tell, o herói nacional.

Bem gostoso para o fim do dia.


Praça em frente à sede do governo. Olhem os jovens fazendo piquenique na praça!

Abraços a todos.

 

Índice de postagens sobre a Suíça:

Glacier Express: Cruzando o País
7 coisas que você não sabe sobre a Suíça
Berna e Gruyères: Queijos e Chocolates
O Topo da Europa: Jungfraujoch
Esquiando em Axalp
Montreux e Lausanne: Riviera Suíça
Lucerna, Engelberg e Zug
Zermatt – Guest Post no blog Viagem em Viagens

Matterhorn, Zermatt
Zurich, último dia

 

Escrito por: Gleiber Rodrigues
Compartilhe:
comentarios:16
Posts Relacionados:
25
Mar
2011
16 comentários
  1. Espero que nao tenha esquecido meus queijos e chocolates por ai! hahahah.
    ameeeei, mas a postagem passada foi magniiiiiifica!

    me digam uma coisa, qt fica uma passagem ? 🙂

    bjs, isabelampimentel@hotmail.com

  2. Clarissa
    25/03/2011

    Eu morei em Berna quase um ano… Estudando! Amo muito esta cidade! 😉

  3. Gleiber
    26/03/2011

    Gente, que pena que eu falei tão rapidinho de Berna, não sei se deu para sentir o quanto gostamos dessa cidade!

  4. Anonymous
    06/09/2011

    Olá, preciso de uma ajuda sua!
    Como você foi da fábrica de chocolates para Berna? De carro alugado?
    Estou perguntando pois estarei hospedada em Berna e gostaria muito de fazer esse passeio. Mas não vou alugar carro. Para ir de trem, eu vi que teria que sair 6 da manhã de Berna, descer em Montreux umas 8 horas para pegar o passeio até a fábrica de chocolates e queijos. É isso mesmo? Obrigada! Ana

  5. Anonymous
    06/09/2011

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

  6. Gleiber
    06/09/2011

    A gente tava de carro alugado sim. A fábrica de chocolates Cailler fica em Broc, mas sei que há outras opções de passeio e outras fábricas. Vou dar uma pesquisada. No verão há um passeio chamado trem do chocolate por essa região. É esse que vc quer fazer? Vc não quer deixar um email de contato?

  7. adriana bahiadacosta@yahoo.com.br
    15/11/2011

    oi,gostei das dicas,estarei em Genebra em janeiro e gostaria de fazer o que vc fez,visitar a a cailler e a fabrica de queijos,como estaremos em 4,ja aluguei um carro, gostaria de saber se é preciso reservar a visita,se um dia dá para faza-las e vc sabe se tem muitos pedagios no trecho que vou passar?muito obrigada desde já.

  8. Dá para conhecer as duas fábricas em um dia sim! E ainda terá tempo para mais alguma outra coisa, pois ambas cidades são muito próximas. Não é necessário reservar. E sobre pedágio, uma vez que alugue o carro dentro da suíça, você terá uma vignete (um adesivo) que te permitirá trafegar por todas as estradas da suíça (equivalente ao pedágio).

  9. adriana bahiadacosta@yahoo.com.br
    17/11/2011

    Obrigado Gleibe,suas dicas foram valiosas,mais uma perguntinha, eu só vou pegar carro neste dia ,é realmente necessario habilitação internacional?Grata.

  10. Não! Todo mundo recomenda ter a habilitação internacional, mas na verdade ela não deveria ser exigida para nós brasileiro em todos os países europeus que usam o mesmo alfabeto que a gente (tipo, só precisa mesmo na rússia, na grécia, na bulgária…). Então fique tranquila!

  11. Pesquisando…
    Muito feliz que estou indo pra lá em agosto. Só escutando músicas em francês para pegar o clima…
    beijos
    Ale #CafeViagemSwiss

    • Que legal que você vai para lá, Alexandra… Mas não repara no amadorismo do texto e das imagens, viu?
      Esse post é do tempo que o blog era um bebê! Preciso reescrevê-lo urgente! Você me entende, né?
      Bjim e boa viagem!

  12. Izabel Menegol
    09/11/2014

    Olá; estamos indo para a Suíça dia 05 de abril, vamos para Zurique pretendemos ficar 12 dias. Gostaríamos de fazer o passeio de carro, porque temos uma certa idade achamos mais confortável, mesmo tendo que pagar pelo estacionamento. Imaginei um roteiro; Zurique-St.gallen – Vaduz – Chur – Lugano – (ou Lucerna se possível) Interlaken – Berna – Lousanne – Montreaux e Genebra. Nós já fizemos de carro vindo da Áustria St. Moritz a Interlake e Lucerna. era verão tanto que de St. Moritz a Interlake estava um dia lindo mas subimos montanhas imensas, que hoje não teria mais coragem. Agora só faríamos o passeio de trem em Interlaken para Jungfraujoch, No mais gostamos dos vales, paisagens e vilarejos do interior, talvez um passeio de barco. Obrigada ( Se tiveres alguém que fez de carro por favor me diga) Izabel

    • Oi Izabel,
      Adorei seu roteiro, você fará uma linda viagem. Jungfraujoch é um lugar fantástico. Abraços.

  13. Janet Passos de Freitas
    05/08/2016

    Gleiber ,prazer em conversar com você !Estou indo de carro de Paris para Genebra com o meu marido e o meu filho em dezembro/2016 e ficaremos por lá apenas um dia .Estou louca pra fazer esse passeio que fez .Dá pra fazer de carro saindo de Genebra ?Por favor ,se puder me dê algumas dicas ,ok ? Obrigada .

    • Oi Janet
      Claro que sim! Uma pena que terá só um dia. Gruyéres é bem perto de Genebra. Mas Berna fica mais longe e merece ao menos um dia todo. Lembre-se de quando atravessar a fronteira para a Suíça de carro, que você tem que comprar uma vignete. É um selinho que autoriza você a circular pelas estradas do país, tipo pedágio.
      Abraços.