Halloween em Londres

ATUALIZADO 31/10/2012

Gente, esses ingleses curtem de verdade a história do Halloween. Tem gente vestida de fantasma por todo o lado, gente de roupas rasgadas, gente pintada para parecer ensanguentada… Muito legal.

Halloween em Londres

Por onde a gente olha tem maquiagem pesada, dentes de vampiro, chapéu de bruxa… Vários bares usam o tema em sua decoração, mas também as lojas. É fantástico!

E como não poderia deixar de ser, os Andarilhos aqui caminharam muuuuuito e fizeram uns programas inspirados no Halloween.

 

Parques de Londres

Para começar, resolvemos ir andando (lógico!!!) para os primeiros pontos turísticos do dia: Kensington e Hyde Park. Não deixem se enganar pelos mapas e preparem as pernas, porque são enooooormes.

Tinha esquilinho, corvos, folhas secas por todos os lados e até pelicanos! Tivemos a sorte de pegar um dia lindo, sem névoa ou chuva. À noite ir rolar uma festa especial de Halloween  ao ar livre ali com abóboras iluminadas presas nas árvores. Nós planejamos ir, mas infelizmente não deu.

Só que lá pelo meio do parque, de tanto andar a gente já estava achando os laguinhos e estátuas feios! Não chegava nunca o final do lugar!!!

Um Encontro Inusitado

Mas daí foi quando aconteceu o mais impressionante. E acho que vocês nem vão acreditar, mas vou contar assim mesmo. Logo na saída do Hyde Park, bem em frente ao hotel Sheraton, quem é que a gente cruza no meio da rua????

Eu estava distraído olhando um mapa e foi o Sandro quem viu. Ele olhou uma vez, não acreditou, olhou de novo e na terceira vez ele teve certeza: era ela!!! Quando ele me chamou, ela já tinha passado por nós. Assim mesmo viramos para vê-la de costas. Sim, era ela, gente!!!

Será? Nesse será que é, será que não é, ela entrou dentro do Hotel!!!

Quem???? JULIA ROBERTS!!!! Era ela!!! Mas não tiramos nenhuma foto… 🙁 🙁

Droga!

 

Pontos Turísticos de Londres

Decepcionadíssimos, começamos a seguir as plaquinhas no chão que levam até o memorial da Lady Di (que é uma fonte redonda meio bestinha). Muito mais legal do que o memorial em si é a brincadeira de tentar acompanhar as setas até encontrar o lugar.

Lady Di Memorial

Dali, fomos até o palácio de Buckingham, mas a gente não teve paciência para esperar o horário da troca de guarda! Primeiro, porque já estava muito cheio de gente e não ia dar para enxergar nada. Segundo, que faltavam ainda umas 2 horas e tínhamos muito ainda para camelar no nosso primeiro dia de turistas em Londres!

Cabines telefonicas vermelhas de Londres

A praça em frente ao palácio é linda, tem um monumento em homenagem à rainha Vitória. Ali pertinho há vários pontos turísticos como o Parlamento (onde fica o Big Ben) e a Abadia de Westminster (onde a rainha é coroada e os monarcas britânicos são enterrados). Vimos também um desfile da cavalaria real, com toda sua pompa e charme. A gente postou as fotos desses lugares no Fotolog do Primeiro dia em Londres.

Abadia de Westmister

Em seguida, fomos à National Gallery, que é um museu de pintura. Nada muito espetacular, principalmente para nós que não entendemos nada de arte, mas é legal para ver uns Monet’s, que pinta muito bem! Mas lá não podia tirar foto e nessa altura do passeio já estávamos com os pés em cacarecos!

A praça em frente, a Trafalgar Square, parece ser o ponto de encontro de todas as nações do mundo. Espetáculo! Além de linda, é onde pode-se ouvir todos os idiomas e curtir alguns minutos só observando a profusão de raças, estilos, cabelos e roupas.

Trafalgar Square em Londres

De lá, resolvemos andar em direção a um lugar chamado Picadilly Circus, que é uma espécie de praça cheia de lojas e lugares pitorescos, cafés, restaurantes. A “pracinha” é nada mais, nada menos, que o “centro nervoso” de Londres – onde TUDO acontece.

Ali pertinho fica a Chinatown deles, cheinha de lojas e restaurantes orientais! Bem exótico, mas também bem estranho. Ficamos com vontade de comer por aqui (preços excelentes!), mas o café da manhã tinha sido tão bom que eram mais ou menos 1 da tarde e nada de fome!

 

Ripley’s Odditorium Museum – perfeito para um Halloween em Londres

Passamos em frente a um tal de Ripley’s Odditorium Museum, que é um museu de coisas exóticas, bizarras e estranhas. Inspirados pelo Halloween, resolvemos entrar!

Ripley's Museum em Piccadilly Circus Londres

É muuuuito louco! Lá dentro tem um labirinto de espelhos (desses que a gente se perde MESMO!), dinossauros, aberrações empalhadas (ovelhas de duas cabeças e 6 patas, etc), vídeos de gente que transformou-se em um crocodilo com implantes e tatoos, etc… etc… etc…

Coisas bizarras no Ripleys

Um museu completamente “weird”!!! Freak!!! And awesome!!! E o mais legal é que as pessoas toda hora vinham puxar assunto comigo (para comentar os assombros e doiduras do museu) e quem disse que eu entendia? Passei cada vergonha…

Entrada do museu Ripley´s

 

Momento #fail de Halloween em Londres

Mas daí vem a outra aventura: tentar pegar um ônibus vermelho de dois andares! Claro que, por ser feriado aqui, várias linhas de metrô estavam em manutenção. Principalmente todas as que passam perto do nosso Hotel (isso era em 2009, eram as obras para deixar as coisas prontas para a Olimpíada de 2012).

Na verdade, se você olhasse no mapa, as únicas linhas de metrô que não funcionavam era EXATAMENTE as que a gente precisava pegar.

Lei de Murphy… Eu sempre acreditei em você!

E a lei de Murphy das estações de ônibus também funcionou perfeitamente… O último ponto de ônibus dentre os procurados era o ponto certo. É claro que, dos 7 ônibus que passavam ali, só servia para a gente um único que passou depois das outras 6 linhas terem passado umas 3 vezes CADA uma!!!!

pegando ônibus em londres

Mas tudo bem! Conseguimos chegar em casa em segurança (quer dizer, no hotel, hehehe). E para quê????

Só para buscar o tíquete de entrada na atração de terror que eu havia comprado desde o Brasil, pela internet. Os bilhetes, no caso, já estavam impressos e precisavam ser apresentados na entrada! Justo quando estávamos bem perto do lugar é que fui me dar conta de que os havia esquecido na mala!!!

Ainda bem que deu tempo!

 

London Bridge Experience

A London Bridge Experience é um show/espetáculo (tipo parque de diversões) que funciona assim: você entra em uma casa de horrores com um grupo e atores vão conduzindo a história da mal assombrada Torre de Londres. Ao longo do “tour” você vai se aproximando das masmorras até “descobrir” túmulos, palhaços assustadores, vampiros, aranhas e outras coisas macabras…

Pessoas na rua fantasiadas no Halloween - LondresNa entrada do London Bridge Experience – o Sandro fazendo sucesso com as crianças…

Pulei de medo várias vezes, gritei, surtei e no final, saí correndo de medo de um cara com uma serra elétrica, chegando taquicárdico à loja de souvenirs!

Para vocês terem uma idéia de como a coisa dá medo, tem um pedaço que o Sandro pediu para sair! Justo ele, que é “todo corajoso” pediu para atalhar uma parte claustrofóbica (passar espremido por uma parede inflável no escuro por váaaarios metros, que para mim foi barbada).

London Bridge Experience

Detalhe: eu acabei ficando na frente de um grupo e tive que responder perguntas em inglês!!! No começo eu até fui bem. Mas lá pelo meio da brincadeira eu já não entendia mais nada. Só fazia cara de paisagem… foi podre!!! Que droga!

Chego ao fim do post com uma imagem da Ponte da Torre de Londres, que era pertinho da London Bridge Experience. A gente só tinha levado o celular (um iPhone 3G), por isso algumas imagens deixaram a desejar. O lugar é lindo, acreditem. É um dos mais emblemáticos cartões-postais da cidade…

London Tower's Bridge

Abraços a todos! Não resisti e coloquei a foto da nossa janta, hehehe

Outras fotos desse dia de viagem eu coloquei no Fotolog do Primeiro dia em Londres.

Mais posts sobre Londres?

   Chegada a Londres
   Halloween e o Primeiro dia em Londres
   Fotolog do Primeiro dia de Londres
   Museu de Cera
   Batendo Cartão nos Pontos Turísticos
   Último dia (ou não) em Londres – Museus, Parques e Covent Garden
   Voltando para Casa

Escrito por: Gleiber Rodrigues
Compartilhe:
comentarios:3
Posts Relacionados:
31
Oct
2009
3 comentários
  1. Este comentário foi removido pelo autor.

  2. É… a Julia viu o seu Post do Facebook dizendo que estava em Londres e já tinha ido em Notting Hill, então ela não pode perder… foi até Londres pra tentar facilitar o trabalho das “mãos do acaso”. Quando ela viu vocês, a emoção foi tanta que ela não teve reação, e por não saber como agir, entrou logo no hotel. Mas no fundo, a vontade dela era de gritar: “lindooosss” e ir tirar uma foto com vocês… a Ju me disse que o sonho dela é uma manchete com a foto de vocês dois, assim: “Julia Roberts and her handsome mans.” kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  3. Anonymous
    11/08/2011

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.